Um processo de recrutamento eficiente é a melhor maneira de garantir o melhor candidato

O processo de recrutamento de muitas empresas estão levando mais tempo do que o normal para tomar decisões de contratação. Dessa forma, ela corre o risco de perder os melhores candidatos. Quase 70% dos trabalhadores entrevistados em uma pesquisa do Robert Half disseram que perderiam o interesse em um emprego se o retorno do empregador demorasse mais do que duas semanas após a entrevista.

 

Mesmo em um momento em que a oferta de vagas é menor do que o número de candidatos disponíveis, é importante que as empresas fiquem atentas ao risco de alongar o processo.

Baixar o Guia Salarial

Simplificando o processo de recrutamento e acertando na escolha

Passo a passo para uma contratação eficiente
 
Passo 1: Descrição de cargo
Defina claramente suas necessidades de contratação e garanta que o anúncio de vaga seja o mais eficaz e claro possível. Para isso, internamente e antes de divulgar a vaga, tenha claros: tipo de contrato, faixa salarial, pessoas envolvidas no processo de recrutamento, além de requisitos e responsabilidades do novo colaborador.
 
Passo 2: Avaliando currículos
Faça uma lista das competências necessárias para a vaga e, ao avaliar currículos, verifique se o candidato tem as qualificações e habilidades necessárias; se tem a experiência exigida; e se a pretensão salarial está de acordo.
 
Passo 3: Conduzindo entrevistas
Defina um período de tempo claro para entrevistas. Apesar da agenda apertada de boa parte dos gestores, um processo de entrevista eficaz é fundamental para garantir a melhor escolha. Assim, considere entrevistas por telefone ou Skype para uma triagem inicial; prepare perguntas-chave para todos os candidatos; desenvolva uma mistura de perguntas abertas e comportamentais que exigem que o candidato responda a situações que provavelmente enfrentará no trabalho.
Tente marcar as entrevistas para um mesmo dia (ou, se não for possível, não dê um intervalo muito longo entre uma entrevista e outra), para que os candidatos permaneçam frescos em sua mente.
Avalie cada candidato com base no mesmo conjunto de critérios, como entusiasmo, linguagem corporal, personalidade, além, claro, do currículo.
 
Passo 4: Refinando a lista
Depois de completar todas as entrevistas, você terá que tomar a difícil decisão de eliminar alguns candidatos para produzir uma lista final. Será necessária uma nova conversa ou teste? Não demore na verificação de referências e não deixe de dar um retorno aos candidatos sobre o processo, para que eles não se desmotivem e desitam da vaga. 

Passo 5: Decisão final
Decida quem é o melhor para a vaga. Seja objetivo ao avaliar os principais concorrentes. Verifique seus critérios de contratação novamente para garantir que sua melhor escolha corresponda aos requisitos do trabalho. Certifique-se de que todas as partes internas envolvidas no processo de contratação estão de acordo.

Passo 6: Faça a oferta 
Você está satisfeito por ter escolhido o candidato certo e agora é hora de tornar a decisão oficial com uma oferta de emprego. Para que o processo de recrutamento seja eficaz, ao entrar em contato com o escolhido tenha em mãos a proposta, incluindo salário, benefícios e data de início. Esteja preparado para negociar e tenha em mente um salário máximo.
Saiba quando seguir em frente - se um candidato hesita em aceitar sua oferta, pode ser uma dica que ele não quer trabalhar para a sua empresa. Envie a proposta final por escrito para confirmar todos todos os detalhes necessários.

Passo 7: Novo colaborador a bordo
Dê as boas-vindas ao mais novo membro da equipe. Não se pode subestimar a importância de efetivamente introduzir e incorporar novos funcionários na sua organização.
 
Lembre-se: você pode aumentar suas chances de encontrar rapidamente a pessoa certa para o trabalho, obtendo ajuda externa especializada.

O Guia Salarial 2018 da Robert Half fala sobre tendências de contratação e ajuda na tomada de decisão. Faça o download do material.

 

Compartilhar essa página