Como fazer a integração de gerentes e executivos

Por Robert Half on 19 de Janeiro de 2022
Tempo estimado de leitura: 5 minutos

1. Integração sistemática

Muitas empresas estão se esforçando para assegurar que novos empregados tenham um início tranquilo e estruturado em sua nova função. Entretanto, nem sempre isso se aplica a contratados de nível gerencial, que muitas vezes são esquecidos durante o processo de integração e não é dada muita atenção às suas semanas introdutórias na empresa. Por isso é importante que a empresa tenha uma orientação de carreira para executivos

Presumir que executivos conseguirão obter uma visão geral de sua nova área de trabalho sem um plano de integração é um equívoco comum. Embora eles sejam capazes de gerenciar e trabalhar sob pressão, eles ainda necessitam ser introduzidos à companhia e aos seus times de maneira adequada. 

Leia também: Modelos de estrutura organizacional: conheça os principais

2. Ter uma boa liderança não significa que as induções devam ser autogeridas

Embora seja verdade que os gerentes muitas vezes tenham as habilidades e a experiência necessária para se adaptarem rapidamente a novos ambientes, isso não significa que eles conheçam os processos da organização, os caminhos e as responsabilidades do novo local de trabalho. Quando um funcionário sênior é obrigado a descobrir essas informações por si mesmo, muitas vezes ele é obrigado a empregar a tática de 'tentativa e erro'. Isso faz esse executivo perder tempo valioso e ele também pode acabar tomando decisões imprudentes, que podem ter sérias consequências. 

Como resultado disso, executivos podem falhar em suas novas posições. A criação de um plano de integração bem pensado e organizado pode, potencialmente, mudar esse resultado. Empregados de nível sênior também são pessoas, e não importa o quão experientes, um novo ambiente pode ser desafiador e incerto para eles. 

3. Gerentes e executivos também precisam de um bom plano de integração

Uma recepção calorosa para novos empregados de nível sênior nem sempre é o suficiente. Um plano de integração bem pensado e informativo é o que realmente é necessário. Durante a primeira semana no trabalho, um pacote de boas-vindas, um local de trabalho totalmente preparado e todos os equipamentos necessários bem como uma recepção calorosa precisam ser adaptados aos requisitos de um empregado em uma posição sênior. 

Ao integrar um executivo, é importante entender que eles talvez necessitem:

  • Fazer network com a companhia e, se necessário, com stakeholders externos
  • Familiarizarem-se com as estruturas, políticas e cultura da companhia
  • Conquistem a lealdade e respeito de suas equipes
  • Criem um relacionamento com seus funcionários que os torne acessíveis como líderes

Você pode gostar de: 12 frases para inspirar confiança no trabalho

4. Dicas para uma integração de liderança bem-sucedida

Para que um executivo recém-contratado agregue valor à companhia, ele precisa entender completamente a nova posição, bem como todas as regras oficiais e não oficiais e os riscos que a acompanham. Embora fornecer informações básicas aos funcionários sêniores sobre o negócio possa parecer um passo óbvio, a compreensão básica de valores, objetivos, partes interessadas e métricas pode ajudar tremendamente a longo prazo.

É importante considerar os seguintes aspectos:

  1. Networking – O novo executivo precisa conhecer seu próprio time, bem com os tomadores de decisão relevantes na companhia. A gestão corporativa é necessária para garantir que os recém-chegados sejam convidados para reuniões importantes e relevantes. Além disso, como parte de sua indução, deve-se estabelecer uma rede com colegas de gerenciamento entre divisões (por meio de um bate-papo on-line ou um almoço pré-agendado etc.)
  1. Expectativas e prioridades – Executivos são muitas vezes necessários em maneiras diferentes de outros funcionários. Eles precisam atender às demandas de seus superiores, bem como atender às necessidades de sua própria equipe. Essas expectativas não são sempre comunicadas de maneira clara, e isso pode tornar as coisas ainda mais difíceis. Esta é outra razão pela qual o processo de integração é tão importante: diretrizes e requisitos claros precisam ser expressos de maneira clara e completa, para que o novo gerente saiba exatamente o que se espera dele
  1. Feedback – Comportamentos e métodos aprendidos e posições prévias podem não necessariamente funcionar no novo papel, portanto, o feedback regular durante a indução dos executivos é vital para o crescimento. Eles precisam entender como suas escolhas podem impactar outros membros do time, e as decisões da empresa no geral. Insights valiosos sobre isso podem ser fornecidos durante o processo de integração, e nas primeiras semanas do executivo na empresa
  1. Visibilidade – Dar ao novo gerente a plataforma para ele se comunicar diretamente com todos os níveis e membros é incrivelmente valioso pois isso lhes dá insights diretos sobre a cultura da companhia, tópicos e preocupações. Isso também os ajuda a ganhar a confiança e a lealdade de seus companheiros de equipe 

Guia Salarial 2022_acesse agora

2022​

5. Programas de mentoria também podem ser úteis para executivos

É uma prática comum fornecer um mentor a um novo funcionário durante suas primeiras semanas na empresa. Esses programas de orientação também podem ser muito úteis, pois ajudam no networking e na construção de relacionamentos e podem fornecer informações detalhadas sobre a empresa. Mentores para executivos podem incluir colegas do mesmo nível ou de nível superior, para poderem fornecer o tipo certo de orientação.

O respectivo supervisor não é necessariamente a melhor escolha para esta tarefa. Os mentores podem ser colegas do mesmo nível ou do próximo nível gerencial que já estão na empresa há algum tempo e conhecem suas peculiaridades. Além disso, boas habilidades empáticas e de comunicação são importantes para o papel de mentor. Pode fazer sentido contar com mentores de outras áreas da empresa de modo a evitar dependências.

Você está enfrentando o desafio de preencher uma posição gerencial? Nossa equipe de Executive Search ficará feliz em apoiá-lo na sua busca por líderes que se encaixem na sua empresa.​​

Seja um headhunter na Robert Half​ ​

Se você deseja fazer parte de uma empresa que está mudando a forma como é feito o recrutamento na América Latina, junte-se a nós!​ ​

Saiba como os recrutadores da Robert Half podem ajudar você a construir uma equipe talentosa de colaboradores ou avançar na sua carreira. Operando em mais de 300 locais no mundo inteiro incluindo nossas agências de empregos de São Paulo. A Robert Half pode te fornecer assistência onde e quando você precisar.

More From the Blog...