Como conquistar uma promoção sem ter que pedir por ela

Por Robert Half 5 de Janeiro 2018

Por Adriana Fonseca

A tão sonhada promoção no trabalho pode chegar mesmo sem você ter que pedir por ela literalmente. Afinal, apesar de muitas vezes ser necessário colocar tudo em pratos limpos e deixar claro ao chefe que você quer um cargo mais alto, esse tipo de conversa nem sempre é fácil e agradável. A boa notícia é que dá para conseguir a promoção sem ter que pedir, principalmente se o gestor prestar atenção nas ações dos funcionários de sua equipe. A atitude é até mais importante do que o ato de pedir a promoção em si.

BAIXAR O GUIA SALARIAL

Nesse caso, o básico é fazer bem o seu trabalho, claro! Mas só isso não é suficiente para conquistar uma promoção. O ideal é superar as expectativas do seu chefe com frequência. Isso significa fazer as atividades que são esperadas de você com eficiência e ainda finalizar outras que vão além do que foi solicitado.

Professor de liderança em diferentes faculdades americanas, incluindo a Universidade Duke, Jim Morris dá cinco dicas para você colocar em prática no trabalho e mostrar ao seu chefe que está preparado para uma promoção.

1. Faça o trabalho “acima e além” frequentemente

Superar as expectativas é apenas o começo. O ideal é você também encontrar formas de acrescentar valor a projetos e tarefas que estão além do seu escopo de trabalho. Um exemplo? Encontre coisas que precisam ser feitas e que ninguém tem tempo para fazê-las.

2. Tenha fome de crescimento, não status

Seu chefe vai se impressionar mais com sua habilidade e desejo de aprender do que com seu ego e ambição de melhorar status ou posição na empresa. Sua fome deve ser por conquistar novas habilidades e conhecimento, não uma nova sala ou um cargo melhor. Não é que você não pode gostar dessas coisas – você pode, afinal, é humano -, mas elas não deveriam ser sua principal motivação.

3. Trabalhe continuamente seu autodesenvolvimento

Pense dessa forma: você é o maior projeto da sua carreira. Acostume-se com essa ideia. Ao alcançar novos níveis de conhecimento, arregace as mangas e se desafie a fazer o que você já havia feito antes – só que agora ainda melhor. Tenha a coragem de ver você mesmo de forma objetiva e trabalhe naquelas coisas que mais interferem no seu próprio sucesso. Se você não sabe bem por onde começar, pergunte ao seu chefe o que você poderia fazer melhor, e se esforce para se aperfeiçoar.

4. Procure projetos de longo prazo

Tarefas que levam mais tempo para serem concluídas são, por natureza, mais complexas. Gerenciar complexidade é diferente de ser apenas inteligente, envolve supervisionar múltiplas tarefas com diferentes objetivos e estratégias de execução. Aprenda a lidar com projetos de várias camadas escolhendo tarefas que são progressivamente mais complexas. Cuidado apenas para não se afogar. Então, se você está acostumado a gerenciar tarefas que normalmente podem ser concluídas em um ou dois meses, não se ofereça para um projeto que vá lhe tomar um ano todo. Procure por um de seis meses primeiro.

5. Desenvolva suas habilidades de colaboração

Em cargos de média e alta gerência, normalmente o trabalho depende de um grupo e é mais valorizado o “fazer acontecer” do que esperar ser informado sobre o que deve ser feito. Em toda grande equipe, existe ao menos uma pessoa que faz todas as coisas se encaixarem. Essa pessoa tem os superpoderes da colaboração: escuta, comprometimento e mediação. Seja essa pessoa! Para isso, pratique suas habilidades de trabalho em equipe em qualquer chance que tiver.

* Adriana Fonseca é jornalista, tem 15 anos de experiência na cobertura de carreiras, empreendedorismo e startups. Já publicou nos jornais Valor Econômico e Folha de S.Paulo e na revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

 

More From the Blog...