Como o ambiente de trabalho tóxico impacta nos resultados da equipe?

Por Robert Half on 5 de abril de 2021

Pense no ambiente de trabalho como todo o entorno organizacional. Em muitos aspectos, é algo que você não pode ver, mas que implica diretamente no nível de ânimo e compromisso do time. Logo, é preciso ter cuidado com o ambiente de trabalho tóxico.

Conforme pesquisa, ambientes de trabalho que promovem bem-estar e qualidade de vida aos funcionários são, além de mais atraentes aos talentos, 86% mais produtivos e 70% mais rentáveis. Por outro lado, aquelas empresas com ambientes desconfortáveis podem perder a força de trabalho e competitividade, o que pode resultar em graves problemas.

Envie sua vaga

Hoje, explicamos os sinais de um ambiente de trabalho tóxico, qual o seu impacto no nível de resultado da equipe e como dar os primeiros passos para mudar o clima.

Boa leitura!

Quais os sinais de um ambiente de trabalho tóxico?

Como diagnosticar um ambiente tóxico? Essa é a pergunta central deste tópico. Muitas vezes, pode ser algo difícil. O ideal é ter métricas claras para avaliar a qualidade do ambiente e se ele é (ou se torna) tóxico aos colaboradores. Adiante, alguns sinais comuns aos ambientes tóxicos:

  • excesso de conflitos interpessoais;
  • excesso de pressão por resultados;
  • alta rotatividade da equipe de trabalho;
  • ameaças frequentes dos líderes aos liderados;
  • pouca transparência com as informações;
  • aumento no número de afastamento por doenças;
  • crescimento dos acidentes de trabalho.

Você pode pensar nesses sinais como sintomas de uma doença grave. Todos podem estar presentes ou apenas alguns deles, em maior ou menor grau. Essa doença pode levar a piores resultados da equipe de trabalho e, por consequência, afetar a sobrevivência do negócio.

Como o ambiente de trabalho tóxico impacta nos resultados?

De várias formas, o ambiente tóxico impacta o desempenho e os compromissos diários. Por exemplo, você dificilmente verá um time fazer mais que o básico, caso o local de trabalho seja tóxico. Adiante, pontuamos algumas das implicações mais negativas.

Reduz a motivação da equipe de trabalho

Grosso modo, motivação é a energia que impulsiona os profissionais a fazerem suas tarefas diárias. Quando a motivação está abalada, as tarefas passam a ser feitas com menos ânimo, cuidado e compromisso. Ou seja, o trabalho é feito com desleixo.

Portanto, há uma forte ligação entre o local de trabalho e a motivação, sendo que um ambiente tóxico pode levar a níveis realmente baixos de entrega diária. Isso não é ruim só para a empresa, também é ruim ao time, afinal, ninguém gosta de trabalhar desmotivado.

Promove menos saúde e bem-estar no trabalho

Um ambiente tóxico pode ter implicações profundas na saúde e no bem-estar do time de trabalho — o que se desdobra em outros problemas, como mais afastamentos, atestados e acidentes ao longo do expediente. Portanto, é algo bastante delicado.

Veja bem, se o ambiente é tóxico, também é nocivo. Os profissionais trabalham com mais preocupações e se tornam mais ansiosos e estressados. Todos esses fatores colocam em risco a saúde física e mental dos talentos, além de gerar mais custos operacionais ao negócio.

Mina as relações interpessoais de trabalho

Ao longo do expediente, o relacionamento interpessoal é inevitável. É preciso conversar com profissionais de diferentes áreas e em diferentes níveis. Se a comunicação não ocorre (ou tem muitos entraves), erros e desperdícios tornam-se inevitáveis.

Nesse caso, novamente, o ambiente de trabalho tóxico torna-se um grande catalisador. Ele afasta os profissionais, faz com que o diálogo interpessoal seja básico e fornece espaço para conversas paralelas (fofocas), o que pode colocar em crise o senso de equipe.

Implica em líderes menos exemplares

A liderança não está protegida das implicações do ambiente de trabalho tóxico. Mesmo os líderes mais experientes e engajados podem experimentar um alto grau de desmotivação e descompromisso, caso o ambiente de trabalho não seja adequado às suas entregas. O problema se torna mais grave porque, ao longo do trabalho, as práticas dos líderes de equipe tendem a ser replicadas pelos liderados. Logo, se o líder é afetado, seus liderados também e os resultados da equipe tendem a piorar de forma rápida e drástica.

Dificulta a manutenção da cultura organizacional

Existem muitos modelos de cultura organizacional. Alguns, por exemplo, são baseados em alta performance, enquanto outros prezam muito mais pela colaboração. O ponto é que nenhuma cultura sobrevive em um ambiente tóxico, afinal, a rotatividade é alta.

Nesses locais, o turnover (índice que mensura a saída de talentos) costuma ser alto. Poucas pessoas querem continuar na empresa e muitas migram para a concorrência. Logo, torna-se mais difícil sustentar uma cultura e quase impossível construir uma boa do zero.

O que pode ser feito para mudar o cenário?

Agora, você já sabe quais os sinais de um ambiente de trabalho tóxico e como ele impacta os resultados da equipe de trabalho. É hora de entender o que pode ser feito para mudar a situação da empresa e garantir que o local de trabalho melhore progressivamente.

O primeiro — e mais importante passo — é identificar a causa do ambiente tóxico. O mais frequente é que seja um conjunto de coisas, como líderes despreparados, falta de estrutura de trabalho ou exigências excessivas. Depois, corrigir ou eliminar essas imperfeições.

Claro, existem muitas outras coisas que podem ser feitas, pontuamos algumas delas:

  • converse mais com seus colaboradores;
  • faça pesquisas de clima organizacional e satisfação interna;
  • gerencie conflitos interpessoais sempre que surgirem;
  • invista na comunicação interna empresarial;
  • mostre aos colaboradores que eles são importantes.

No processo de melhoria do ambiente de trabalho, o mais importante é ter a liderança da empresa totalmente comprometida. Assim, torna-se mais fácil obter grandes resultados.

Veja, agora você está por dentro do assunto e entende os perigos do ambiente de trabalho tóxico para a equipe de trabalho. No processo de melhoria, um importante passo é saber como lidar com conflitos interpessoais, bem como extrair poderosas lições. Assim, você, sua empresa e a equipe de trabalho podem ser bastante beneficiados.

Gostou do artigo? Aproveite para continuar a aprender. Descubra como fazer a gestão de conflitos na organização e lidar com personalidades distintas. Vamos lá!

Recrutamento especializado

More From the Blog...