Quando vale a pena aceitar um emprego com um salário menor?

Por Robert Half 11 de agosto 2015

Optar por um salário menor pode ser uma escolha estratégica.Um bom salário pode não ser tudo na vida. Na busca por um novo emprego, às vezes vale a pena considerar uma oportunidade mesmo que a vaga não tenha a remuneração dos sonhos. É preciso levar em conta também o salário não financeiro.

Abaixo, algumas situações em que pode ser interessante considerar um novo emprego mesmo que, a princípio, o salário não seja dos mais atraentes.

1. Benefícios incríveis

Quando a empresa oferece uma série de “extras”, como almoço gratuito diariamente, ambiente descontraído com sala de jogos, academia de ginástica no escritório ou creche no mesmo prédio do trabalho, pode valer a pena considerar a vaga, dependendo das suas necessidades.

2. Participação nos lucros

Startups fazem muito isso. A empresa está começando, não consegue pagar salários muito altos aos seus executivos, mas oferece uma contrapartida: o funcionário ganha mais sempre que a empresa atingir suas metas e tiver lucro. Pode ser interessante se você tem o perfil certo para um negócio em fase inicial.

3. Flexibilidade

Se para você poder fazer home office e entrar e sair do escritório em um horário diferente a cada dia é importante, a empresa que oferece flexibilidade na jornada deveria ser considerada, mesmo que não tenha os melhores salários do mercado. Por uma simples razão: dificilmente você se sentirá feliz no trabalho – mesmo com uma boa remuneração – se ficar preso a horários não tem a ver com você.

4. Localização

m uma grande cidade, pode-se levar mais de uma hora no deslocamento casa-trabalho. Um escritório próximo ao local onde você mora, que permita chegar a pé ou de bicicleta pode ser o melhor dos benefícios para algumas pessoas.

5. Crescimento profissional

Às vezes, um passo atrás no salário ou uma remuneração aquém da ideal também pode valer a pena se a empresa tem um bom plano de desenvolvimento de carreira. Se é nessa empresa que você quer estar pelos próximos anos, ganhar menos agora pode significar um futuro promissor. O que queremos mostrar é que a escolha de um novo emprego não deve levar em conta apenas o salário. A remuneração deve ser apenas um dos fatores que pesam na sua decisão. O importante é você ter claro quais são as suas prioridades e onde você quer chegar com a sua carreira. A partir daí fica fácil fazer as próximas escolhas.

Robert Half Guia Salarial

Na décima edição do Guia Salarial da Robert Half você encontra a mais completa pesquisa salarial e um estudo sobre tendências de contratação no mercado brasileiro.

More From the Blog...