Transformação digital impacta nas carreiras em alta para 2020

Guia Salarial da Robert Half evidencia impacto da tecnologia nas áreas Mercado Financeiro e Seguros, Tecnologia, Recursos Humanos, e Vendas e marketing

Guia Salarial da Robert Half evidencia impacto da tecnologia nas áreas Mercado Financeiro e Seguros, Tecnologia, Recursos Humanos, e Vendas e marketing

 

A Transformação Digital e os frequentes avanços da tecnologia em todas áreas e indústrias têm aumentando a competitividade das empresas, a disputa por vagas de trabalho e a exigência do aprendizado contínuo.

Uma pesquisa da Robert Half mostrou que 81% dos líderes sentem dificuldade de encontrar mão de obra qualificada por causa dos avanços tecnológicos. Entre os motivos está o fato de que as mudanças são rápidas e as atualizações dos profissionais, muitas vezes, não acompanham essa velocidade.

O Guia Salarial 2020 da Robert Half evidencia como a busca das organizações por inovação e a possibilidade de “surfar a onda” digital tem impactado no surgimento de novos cargos e a demanda por posições ligadas ao tema. Acesse: https://www.roberthalf.com.br/guia-salarial.

Confira alguns dos cargos em alta por conta da transformação digital

(Fonte: Guia Salarial 2020 da Robert Half/ Valores em reais).
MERCADO FINANCEIRO E SEGUROS:
Gerente de Inovação Digital

- Motivo da alta demanda: com a transformação digital cada vez mais presente no dia a dia das empresas, esse profissional com qualificações específicas estará apto a liderar este processo de avanço tecnológico, sendo um catalisador de bons resultados.

- O que faz: é o profissional que trabalha para formular, implementar e gerenciar as ferramentas e processos de inovação dentro da companhia, com a responsabilidade de administrar corretamente os fundamentos principais, como pessoas, estratégia, processos e recursos.

- Salário: 18.200/ 22.500/ 26.550/ 32.650.

TECNOLOGIA
Desenvolvedor Mobile Sênior

- Motivo da alta demanda: o aumento da conectividade entre as pessoas e dentro das organizações demanda mais profissionais especializados em desenvolvimento de software.

- O que faz: é o profissional que escreve os códigos para construir as aplicações. É responsável por analisar, projetar, documentar, testar e implantar sistemas de Tecnologia da Informação, tanto para computadores como para outros dispositivos.

- Salário: 7.700/ 10.000/ 12.950/ 15.750.

Cientista de Dados

- Motivo da alta demanda: necessidade do mercado em ter um profissional habilitado para desenvolvimento e análise de técnica de informações e dados coletados em diversas redes, especialmente na internet.

- O que faz: Possui uma visão sistêmica, com conhecimentos essenciais matemáticos, de estatística, processamento e linguagem de software. 

- Salário: 13.100/ 17.000/ 21.950/ 26.700.

Chief Technology Officer (CTO)

- Motivo da alta demanda: a realidade da transformação digital no mercado exige um profissional de nível executivo que tenha uma visão ampla do que acontece na empresa e uma vasta experiência em tecnologia, colocando em prática os objetivos e metas da companhia.

- O que faz: esse líder seleciona e retém talentos criativos para auxiliá-lo no desenvolvimento de projetos estratégicos, identifica oportunidades e fica atento aos riscos, aplica novas tecnologias e pensa no futuro da empresa, participa de decisões importantes e fornece soluções para a empresa.

- Salário: 24.700/ 32.000/ 41.350/ 50.300.

VENDAS E MARKETING
Head of Growth

- Motivo da alta demanda: empresas em forte processo de expansão precisam organizar processos para acelerar seu crescimento. É necessário criar uma ponte entre as áreas de vendas, marketing e pós-venda, utilizando métodos estatísticos para que se possa tomar decisões e desenhar iniciativas estratégicas.

- O que faz: esse líder encontra oportunidades para o sucesso, criando estratégias específicas visando resultados para o crescimento rápido da empresa. O profissional deve ter conhecimento técnico e conceitual de Marketing, entender de processos, metodologia de experimentos e tecnologia, inspirar a criatividade na equipe e, acima de tudo, compreender a psicologia do consumidor.

- Salário: P/M 13.000/ 16.000/ 19.650/ 21.600; G 17.250/ 25.000/ 30.700/ 33.800.

Analista de Marketing Digital

- Motivo da alta demanda: com a expansão da interação de consumo por meio das redes digitais, é necessário que as empresas tenham um profissional que identifique o seu consumidor, saiba onde ele se concentra e o que ele busca para, então, construir ações de relacionamento com este público focando nos objetivos estratégicos de marketing pré-estabelecidos pela companhia.

- O que faz: deve conhecer o cenário da comunicação digital, desenvolver sites, e-mails marketing, links patrocinados, SEO (Search Engine Optimization, ou Otimização para Mecanismos de Buscas) e campanhas em redes sociais a fim de planejar ações que levem a mensagem da marca ao consumidor.

- Salário: P/M - 3.450/ 5.000/ 6.150/ 6.800; G - 5.500/ 8.000/ 9.800/ 10.800.

RECURSOS HUMANOS
Gerente de Treinamento e Desenvolvimento

- Motivo da alta demanda: atrair e reter talentos nas organizações é um grande desafio e uma atitude chave para manter o alto desempenho e produtividade das companhias, especialmente na era da transformação digital. Por isso, ações internas que estimulam o engajamento dos colaboradores tornam-se cada vez mais necessárias.

- O que faz: a área atua com diversas competências, desde o treinamento básico do novo funcionário, passando por parcerias com instituições de ensino e idealização de cursos in company, até a transmissão de informações do nível estratégico ao operacional, aplicação de pesquisas de clima e demais métodos relativos à área. 

- Salário: P/M 12.800/ 15.000/ 16.950/ 20.150; G 15.600/ 18.250/ 20.600/ 24.500.

 

* Com nova metodologia, o Guia Salarial 2020 da Robert Half traz quatro faixas salariais divididas em percentis, representados por 25º/ 50º/ 75º/ 95º. Os critérios para determinar em que faixa o perfil se encontra podem variar de acordo com a experiência na função, tempo no segmento, porte da empresa, características setoriais, demanda e disponibilidade pelo perfil no mercado, habilidades e certificações extras, por exemplo.

* Faturamento das empresas: P/M - até R$ 500 milhões; G - acima de R$ 500 milhões.