Brasileiros são mais produtivos no verão, aponta estudo da Robert Half

A pesquisa revela também mudanças nos hábitos dos profissionais em decorrência da estação mais quente

A pesquisa revela também mudanças nos hábitos dos profissionais em decorrência da estação mais quente

No Brasil, o verão começa oficialmente no dia 21 de dezembro. Em geral, o tema estações do ano costuma dividir a preferência das pessoas, mas uma pesquisa da Robert Half com 303 diretores gerais do País revelou que o clima mais quente traz vantagens para o ambiente corporativo.

De acordo com o estudo, mais da metade dos executivos brasileiros entrevistados (53%) acredita que os profissionais do País ficam mais produtivos no verão. Nos Emirados Árabes foi onde mais diretores observaram o aumento da produtividade, 64% concordam com a afirmação. 

Nível de produtividade dos profissionais no verão (fonte: Pesquisa Robert Half)

Opinião

Brasil

(% de diretores que concordam)

Média Global

(% de diretores que concordam)

Muito mais produtivos

23%

16%

Um pouco mais produtivos

30%

25%

Não há diferença

28%

32%

Um pouco menos produtivos

16%

23%

Muito menos produtivos

2%

4%

Não sabe

0%

1%

Ranking de países onde a produtividade dos colaboradores aumenta no verão (fonte: Pesquisa Robert Half)

Colocação

Países

(% refere-se à soma de diretores que acreditam em um ambiente muito mais produtivo e um pouco mais produtivo)

Emirados Árabes (64%)

Austrália (56%)

Brasil (53%)

Chile (47%)

Reino Unido (41%)

Bélgica (39%)

Holanda (34%)

Alemanha (32%)

Suíça (25%)

10º

França (23%)

A pesquisa da Robert Half foi realizada em julho de 2017 com base na percepção de 2710 diretores gerais de 10 países, sendo 303 do Brasil.