Esqueça aquele profissional tímido, com dificuldade de se comunicar. Este estereótipo ficou para trás. Os aspectos comportamentais passaram a ter tanta importância quanto o conhecimento técnico e a comunicação passou a ser a habilidade mais requisitada.

Pessoas não são máquinas, onde você aperta um botão e o processo muda. Somos seres complexos, individuais e o que faz sentido para um, pode não fazer para o outro. Mas, se conseguirmos criar um ambiente aberto ao diálogo e dinâmicas apropriadas, o processo de transformação esperado acontece.

Pages

Newsletter

Cadastre-se em nossa newsletter para receber mensalmente as novidades em seu e-mail.