Três estratégias para ter boas referências

Você tem um bom currículo e se saiu bem na entrevista de emprego. Porém, em um mercado competitivo, as referências serão determinantes para que você realmente seja escolhido para uma vaga de trabalho. Veja algumas estratégias para que você seja bem recomendado.

Poucas, porém boas, recomendações
Pode haver muitas pessoas dispostas a te recomendar, mas vale a pena diminuir a sua lista para aqueles que podem ser pessoas chaves para dizer quem você é. As referências devem, idealmente, ter uma posição ou um histórico que também tenha credibilidade no mercado. Um supervisor anterior é, geralmente, uma escolha forte. Parceiros de negócios e clientes também podem ser relevantes. Se você é recém-formado, um mentor ou professor da faculdade ou universidade podem ser outra possibilidade. Se você está procurando uma outra posição, enquanto ainda empregado, é preciso ter cuidado ao escolher os colegas atuais. Aborde só aqueles que você pode confiar para manter sua busca de trabalho confidencial.

Sempre peça permissão
Depois de criar uma lista de possíveis referências, pergunte a cada pessoa se ela poderia te recomendar. As pessoas que não estão familiarizados a fundo com seu trabalho podem não me sentir à vontade para fornecer uma referência, por isso não force a barra. A última coisa que você quer é uma referência relutante. Se você tiver proximidade, pode falar pessoalmente com a pessoa para que ela te recomende. Se não for o caso, um e-mail pode ser uma alternativa. Assim, se a pessoa não se sentir confortável para a tarefa, poderá recusar educadamente.

Treine suas referências
Não faz mal dar um pouco de orientação para aqueles que vão te recomendar. Discutir a posição que você está procurando e destacar as características que poderiam te ajudar a conquistá-la. Quem te conhece bem profissionalmente vai estar familiarizado com seu histórico de trabalho, mas resumi-lo para eles, lembrando-lhes seus projetos e resultados, também pode te ajudar. Ressalte alguma coisa que você acha que eles poderiam dizer para o seu potencial empregador e que poderia aumentar a sua credibilidade e chances de conseguir o emprego. Finalmente, não se esqueça de acompanhar e agradecer quem se compromete a fornecer uma referência, independentemente de você conseguir o emprego. Eles vão querer saber se você conseguiu ou não o cargo e estarão mais dispostos a darem boas referências no futuro.

*Este texto foi traduzido e adaptado do original Who loves you? 3 Strategies to get the best references

Tags: Currículo

Compartilhar essa página