Que venha 2021

Por Robert Half on 4 de Janeiro de 2021

Na 13a edição anterior do ICRH - Índice de Confiança Robert Half, divulgada em setembro do ano passado, a retomada da confiança indicava a expectativa do mercado de que “o pior tinha ficado para trás”. Na edição de dezembro, última de um ano bastante desafiador, o otimismo com relação ao futuro registrou uma ligeira queda, influenciada pelas questões políticas – em meio a um processo eleitoral municipal – e também pelo temor de uma segunda onda da COVID-19.

Índice de Confiança Robert Half

Por outro lado, há um viés de alta (redução do pessimismo) para a situação atual, indicando que os empregados e recrutadores que mantiveram-se ativos no mercado e/ou foram admitidos nesse período mantiveram bons olhos em relação ao mercado, entendendo que o pico da pandemia e seus impactos mais severos na atividade econômica já foram absorvidos.

Com o início de mais um ano, apesar ainda de algumas incertezas, é recomendável ser estratégico e planejar ações para garantir um time de alto nível e a consistência na entrega de resultados. Estudo da Harvard Business School, considerando três importantes períodos de recessão global (1980, 1990 e 2000), mostra que empresas que tomaram atitudes estratégicas, com foco no longo prazo, tiveram mais chances de sucesso na retomada. Segundo a pesquisa, quando as empresas, no lugar do “ou” – ou você está contratando ou está demitindo –, trabalham com o “e”, entendendo que é possível fazer as duas coisas com o objetivo de garantir a prosperidade do negócio, elas saem na frente, garantindo os melhores talentos na contratação e retendo peças chaves de sua estrutura. E para quem está em busca de recolocação ou quer se movimentar, planejamento e estratégia também são essenciais. Esteja atento às exigências das empresas nessa nova realidade e aos passos dos principais players do mercado para não perder oportunidades.

Um ano de aprendizados e quebra de paradigmas

Apesar de desafiador, 2020 foi um ano de aprendizado e quebra de paradigmas. Para começar 2021 de maneira estratégica e planejada, tente focar nas oportunidades por trás do ano anterior. Quais processos da sua companhia foram modernizados ou desburocratizados em virtude do distanciamento social? Quais foram as suas evoluções como pessoa e profissional nesse período? Quais foram seus ganhos em qualidade de vida? Quais paradigmas sua empresa quebrou? Aproveite esse período de reflexão, olhe para dentro de casa, para sua equipe, e lembre-se: o ano não foi fácil para ninguém, por isso, valorize quem esteve ao seu lado, pois os melhores tendem a ser abordados de maneira cada vez mais agressiva pelo mercado na hora da retomada.

Recrutamento especializado

More From the Blog...