Os impactos da COVID-19 nos negócios

Por Robert Half on 3 de julho de 2020

Os impactos da COVID-19 nos negócios

Como as empresas e gestores se prepararam – ou estão se preparando – para a reabertura?

O trabalho remoto veio para ficar

89% dos executivos permitirão que os colaboradores continuem trabalhando de casa com mais frequência e 62% disseram que a experiência do trabalho remoto durante a pandemia foi positiva.

As principais razões apontadas foram:

80% A continuidade dos negócios foi garantida

79% Produtividade e colaboração foram mantidas.

78% A substituição de reuniões presenciais por vídeo chamadas mostrou-se igualmente eficaz

69% Manter as relações de trabalho não foi tão difícil como esperava

63% Os níveis de atendimento aos clientes foram mantidos

53% Implantar plataformas de tecnologia e colaboração provou não ser tão difícil/caro

Reabertura exige mudanças no modo de trabalhar

Retorno exigirá uma abordagem cuidadosa e planejada para garantir a saúde, a segurança e o bem-estar de todos:

85% Exigirão/recomendarão que os funcionários usem máscaras

78% Vão implementar melhores protocolos de limpeza

73% Realizarão menos reuniões e treinamentos pessoalmente

61% Vão escalonar o horário/dia de trabalho dos colaboradores

52% Vão alterar o layout do escritório (mesas/espaços)

Saúde mental e bem-estar em primeiro lugar

As empresas devem desenvolver formas criativas de manter a motivação e satisfação de seus colaboradores, bem como pensar em medidas para apoiar a saúde mental e o bem-estar dos funcionários. 

Entre as ações estão: 

64% Uso de vídeo conferência para permitir que a alta administração transmita empatia e confiança aos funcionários

49% Desencorajar ou limitar horas extras para que os colaboradores possam manter um bom gerenciamento de sua vida pessoal-profissional

48% Oferecer oportunidades adicionais de treinamento voltadas ao desenvolvimento pessoal ou profissional

48% Benefícios para a saúde física e mental

42% Oferecer aconselhamento confidencial 

Para refletir

Por enquanto, a principal preocupação de muitos empresários e gestores é a reabertura. O cronograma e o escopo para que a força de trabalho volte ao escritório pode variar drasticamente de empresa para empresa. O importante é lembrar que, em todos os casos, não será apenas uma questão de abrir as portas e deixar todos retornarem. Uma abordagem cuidadosa e planejada para garantir a saúde, a segurança e o bem-estar de todos é o que fará a diferença neste momento e pode colaborar para aumentar a motivação e a lealdade dos colaboradores.

Fonte: Pesquisa da Robert Half com 353 executivos que lidam diretamente ou tem alguma influência no processo de recrutamento e seleção de suas empresas no Brasil, realizada de 11 de maio a 3 de junho de 2020.

© 2020 Robert Half.

Hide Breadcrumb
Off
Hide Title
Off

More From the Blog...