Como fazer a contratação de profissionais para projetos em tempos de crise?

Por Robert Half on 5 de outubro de 2020

A contratação de profissionais para projetos em tempos de crise é uma alternativa aos meios convencionais de recrutamento e seleção. Esse processo conta com vantagens tanto para as empresas, como para os profissionais que se candidatam às vagas.

Isso pode ser conferido na 13ª edição do ICRH (Índice de Confiança Robert Half), indicador trimestrais desenvolvido pela Robert Half. O estudo apontou que 34% dos executivos disseram quem, tem tempos desafiadores, é mais provável que eles optem pela contratação de profissionais para projetos flexíveis e com prazo determinado (39% disseram que a probabilidade é a mesma e 27% disseram ser menos provável esse tipo contratação em tempos de crise).

Entre os motivos que levam à opção por esse modelo de contratação, estão:

  • Imprevisibilidade econômica para uma contratação permanente
  • Aliviar a sobrecarga da equipe
  • Velocidade da contratação e o acesso a especialistas, fazendo com que o time fosse no core da empresa
  • Flexibilidade da legislação
  • Simplificação da gestão

Para os profissionais, de acordo com o estudo, esse modelo de trabalho também é positivo. Segundo a pesquisa, entre aqueles que estão no mercado em busca de uma oportunidade, 95% aceitariam uma vaga para projetos temporários.

Veja agora mais informações sobre o porquê de o trabalho por projetos ser uma boa opção, não só para colaboradores como também para empresas!

Quais são as principais vantagens da contratação de profissionais para projetos em tempos de crise?

Segundo Vitor Silverio, Senior Division Manager da Robert Half, existem três grandes vantagens para uma empresa contratar profissionais para projetos nos períodos desafiadores. Veja quais são, a seguir!

Agilidade na solução de desafios

“A primeira grande vantagem é a agilidade na resolução de algum problema”, comenta Vitor. Ele explica que, se hoje um gestor sofrer com uma reestruturação de sua equipe e ficar sem um ‘braço’ para auxiliar em atividades transacionais, em três a quatro dias, ele consegue um colaborador da Robert Half  em um período temporário para solucionar esse problema.

Importação de conhecimento

O segundo grande benefício é a importação de conhecimento de forma rápida e qualitativa. “Esse gestor consegue ter uma visão de fora, de uma pessoa que tenha trabalhado em outras empresas, em outros projetos, e ter novas ideias para tocar o seu dia a dia e sua área”, explica Vitor.

Flexibilização na realização de serviços

“O gestor não precisa se comprometer com um grande período trabalhando com o profissional”, destaca Silverio. “Ele contrata por um período e para um projeto específico. E, quando esse finalizar, o gestor tem a opção de continuar com o profissional para outros projetos ou finalizar o serviço, sempre respeitando a legislação”.

Como esse projeto deve ser conduzido e quais são as particularidades?

Existem práticas e cuidados que as organizações devem ter na hora de contratar um serviço de alocação de recurso por um prazo determinado. Veja alguns deles!

Não se preocupar com entrevistas

O primeiro ponto é não se preocupar com entrevistas, pois isso é uma tarefa da consultoria que prestará o serviço de contratação. “A função da consultoria é entender o problema e quais são as oportunidades e as soluções”, diz Vitor.

Segundo ele, a consultoria se encarregará de encontrar o melhor profissional disponível no momento, com as características técnicas e comportamentais necessárias para a empresa. Além disso, alocará esse profissional, a fim de solucionar o problema. “Isso torna o processo mais ágil e a empresa contará com a melhor solução para a sua necessidade, que pode ser um profissional ou até uma equipe”, afirma Vitor.

Acompanhar o profissional no início

Passado o período de seleção e já com o profissional escolhido, a situação muda. “O segundo grande ponto é justamente ficar muito próximo nos primeiros dias de trabalho para corrigir e sugerir melhorias logo no início do projeto”, explica Silverio. “Nos primeiros cinco dias, você já percebe se o profissional performará de forma rápida e qualitativa para a sua empresa”.

Passar as informações necessárias ao profissional

O terceiro cuidado é preocupar-se em ter tempo para passar as informações necessárias para o profissional temporário exercer suas atividades, fornecendo suporte logo no começo do projeto.

Vitor comenta que, normalmente, empresas que contratam para projetos têm um problema a curto prazo ou passam por uma reestruturação. Então, é muito comum que os gestores estejam atarefados.

No entanto, ele reforça a importância de o gestor reservar um tempo para passar informações para o profissional que fará o trabalho temporário e, consequentemente, minimizar qualquer problema que possa aparecer a médio e longo prazo.

Elencar as características desejadas para o profissional que será alocado

“Ele precisa ser uma pessoa já completa ou muito próximo do que a empresa necessita, tanto técnica quanto comportamentalmente”, comenta Vitor. “Se uma empresa de varejo está implementando um sistema integrado e precisa de um profissional fiscal para auxiliar na entrega de obrigação acessória e na apuração de determinados impostos, ela necessitará de alguém que já tenha experiência no sistema integrado específico”.

Ele também menciona que é importante que esse profissional já tenha trabalhado em alguma outra organização de varejo, por já conhecer a volumetria do negócio. Além disso, ele deve ser um profissional proativo para resolver os problemas que já conhece, que já aconteceram em empresas anteriores nas quais esteve.

Outro ponto relevante é ele ser um profissional flexível e versátil. “Uma pessoa que chegue na equipe da empresa e já perceba como as coisas funcionam e consiga se adaptar”, argumenta Vitor. “Ele tem que ter uma excelente adaptabilidade”.

Quais são as vantagens para os profissionais?

Vagas nestes tipos de projeto também têm suas vantagens para os profissionais. Conheça algumas delas!

Networking

65% dos participantes da 13ª edição do ICRH apontaram o networking como uma vantagem de trabalhar em um projeto como temporário. “Esse profissional, de forma rápida, conseguirá conhecer boas pessoas e trocará mais informações sobre a área específica na qual trabalha”, comenta Vitor.

Vínculo com empresas de renome

O profissional tem a oportunidade de trabalhar em empresas de bom nome, de portes distintos, incluindo grandes e multinacionais. Dessa forma, terá a oportunidade de colocar mais de uma dessas experiências em seu currículo. Por sinal, adquirir experiência foi indicado por 85% dos entrevistados da 13ª edição do ICRH como vantagem do trabalho temporário — eles poderiam destacar mais de um benefício.

Contato com outras ferramentas

“A terceira grande vantagem é o aprendizado de novos sistemas integrados”, destaca Vitor. “Então, o profissional, de forma rápida, consegue ter acesso a um grande sistema integrado e de nome”. Aliás, de acordo com a 13ª edição do ICRH, contato com ferramentas novas foi apontado como vantagem do trabalho temporário por 50% dos participantes.

Flexibilidade e facilidade no acesso à empresa

O acesso a algumas empresas ocorre mais facilmente, pois, para trabalhar em um projeto temporário, nem sempre é preciso passar por inúmeras entrevistas. Muitas vezes, nem mesmo há entrevista. “Ele não precisará passar por inúmeros testes comportamentais, dinâmicas de grupo e painéis de entrevista”, salienta Vitor. “Ele poderá mostrar o trabalho dele no dia a dia mesmo”.

Essa simplificação torna a admissão mais flexível. Aliás, a flexibilidade do trabalho temporário, não se limitando a esse campo da admissão, é apontada por 53% dos participantes da 13ª edição do ICRH como vantagem.

Possibilidade de efetivação

O profissional que começa como temporário e se destaca, tem grandes chances de ser efetivado pela empresa, se for de interesse de ambos. De acordo com a pesquisa, 40% destacam a oportunidade de efetivação como benefício do trabalho como temporário.

Quer contratar um profissional para projetos?

A contratação de profissionais para projetos em tempos de crise requer know how e precisa do intermédio de uma empresa especializada nesse processo, que conte com uma equipe com alto nível de precisão na escolha de profissionais, tenha agilidade na alocação desses colaboradores e forneça segurança jurídica para prevenir passivos trabalhistas.

Quer saber mais sobre os diferenciais que uma empresa assim precisa ter para contribuir nesse tipo de contratação? Entre em contato com a nossa equipe de profissionais!

Hide Breadcrumb
Off
Hide Title
Off

More From the Blog...