Pagar um salário competitivo fará a diferença em 2020

Por Robert Half 25 de outubro de 2019

Como diz o velho ditado: "o dinheiro faz o mundo girar".

Como empresa, isso certamente parece verdadeiro. Você deseja manter seus custos baixos e vendas altas para maximizar os lucros. Mas quando se trata de salários, eles não devem ser vistos como uma despesa que você precisa economizar.

Você deve vê-los como um investimento. Afinal, são seus funcionários que impulsionam seus negócios. Por isso, é importante pagar um salário competitivo.

Esteja você planejando algumas medidas de redução de custos, realizando revisões anuais ou contratando um novo cargo, reserve um tempo para considerar os salários que oferece.

Este artigo compartilha quatro benefícios de se pagar um salário competitivo aos funcionários. Também explica porque pagar um salário mais baixo pode sair mais caro para o seu negócio a longo prazo.

1. Mostre aos funcionários que você se importa

Os funcionários são os ativos mais importantes da sua empresa. Você deve investir para que eles sintam que são membros valiosos de sua equipe. Existem várias maneiras de fazer isso, como promoção de treinamento ou pagamento de bônus anuais.

Uma abordagem fundamental é oferecer um salário competitivo. Essa é uma maneira tangível de demonstrar seu compromisso em cuidar de sua equipe e é provável que seja retribuída com trabalho duro e engajamento, mesmo em tempos difíceis.

2. Reduza a rotatividade de sua equipe

Os principais cargos que estão com alta demanda se encontram especialmente nas áreas de TI e Finanças. Como resultado, esses talentos podem ser muito mais seletivos com os empregos.

De fato, uma pesquisa de Robert Half confirma isso. 37% dos CIOs dizem que os candidatos a TI se tornaram significativamente mais exigentes em relação aos pacotes de remuneração nos últimos cinco anos.

Como resultado, esteja preparado para ver um aumento de movimentação de seus principais colaboradores, pois se torna cada vez mais comum os recrutadores cortejarem seus funcionários com intenção de roubá-los de você a qualquer momento. Atualmente, esse processo ficou mais fácil com a ajuda de redes profissionais, como o LinkedIn.

Se os funcionários não estão recebendo uma remuneração competitiva em relação ao mercado de trabalho, a decisão de sair pode ser fácil. Às vezes, isso pode se tornar um efeito de bola de neve, onde outros funcionários começam a revisar seu próprio salário e a considerar outras oportunidades de emprego.

3. Os melhores talentos vão querer trabalhar para você

Para administrar um negócio de sucesso, você precisa atrair os melhores talentos. Se você está oferecendo salários baixos, pode estar perdendo essas pessoas, que estão indo para os concorrentes.

Quando você contrata alguém, o colaborador deve perceber que vale a pena agregar valor e produtividade para os seus negócios. Trabalhe para que eles não vejam sua empresa como um trampolim, uma oportunidade de ganhar alguma experiência, antes de encontrar um emprego melhor em outro lugar.

Ofereça um salário competitivo desde o início, para ajudar a atrair os melhores talentos para o seu negócio. Pagar pouco pode economizar dinheiro a curto prazo, mas vai prejudicar seus negócios e custar mais caro a longo prazo.

4. Baixos salários são uma falsa economia

Quando um funcionário sai da empresa, afeta a produtividade e os prazos dos projetos, custando tempo e recursos adicionais. Também haverá outros custos a serem absorvidos, como tempo e dinheiro com a contratação de um substituto, seu período de integração e treinamento.

Além disso, para atrair um substituto adequado, você precisará oferecer um salário competitivo. Em retrospectiva, seria mais prático oferecer aos funcionários um bom salário desde o início e considerar aumentos salariais, quando aplicável.

Alta rotatividade de funcionários pode refletir mal em seus negócios, impactando sua base de conhecimento coletiva e prejudicar o moral da equipe. Portanto, embora ter salários baixos possa parecer uma boa maneira de aumentar os lucros, a longo prazo pode levar a alguns custos e contratempos significativos para o seu negócio.

Como você garante que está pagando um salário competitivo?

Se você não tiver certeza do que constitui um pacote salarial competitivo, o Guia Salarial da Robert Half oferece uma ampla visão das remunerações em vigor para diferentes posições em diversos setores, entre eles Finanças e Contabilidade, Serviços Financeiros e Tecnologia. 

Ao definir os salários, lembre-se de que eles poderão variar dependendo do setor, local, demanda e muito mais. Embora você pague mais, uma boa perspectiva é ver os funcionários como um ativo valorizador. Quanto mais você paga, aumenta o desempenho dos funcionários e mais prazer eles terão no que fazem.

O mercado de trabalho está mudando constantemente, então você deve avaliar e ajustar regularmente seus salários, tanto para funções novas quanto para existentes. Isso pode garantir que você seja visto como uma empresa desejável para se trabalhar, atrair os melhores talentos e reter seus melhores funcionários.

Somente investindo com sabedoria seus funcionários realmente amarão o que fazem e recompensarão você com sua lealdade e muito esforço.

Guia Salarial da Robert Half

No Guia Salarial da Robert Half você encontra a mais completa pesquisa salarial e um estudo sobre tendências de contratação no mercado brasileiro.

More From the Blog...