Salário para advogado: mercado aquecido nas empresas e novos escritórios especializados

A área jurídica dentro das empresas vem, cada vez mais, ganhando um status estratégico e consultivo. Por conta disso, destacam-se hoje no mercado profissionais com habilidades de comunicação e gestão de pessoas, além do executivo preventivo e facilitador, que antevê os problemas e apresenta soluções. Já nos escritórios de advocacia, o surgimento de boutiques com perfil especializado e customizado vem valorizando profissionais especialistas, que atendem seus clientes de forma individualizada. Nessas novas bancas, vemos uma remuneração dos profissionais equivalente a de grandes escritórios.

De acordo com a Pesquisa Salarial elaborado pela Robert Half, os aumentos mais significativos nas remunerações médias neste ano ficam com os advogados juniores de contencioso cível que trabalham em escritórios de grande porte e os seniores da mesma área que atuam em escritórios de médio porte e boutiques. Também é percebido um aumento médio interessante nos salários dos advogados juniores de consultivo tributário que trabalham em escritórios de médio porte e boutique.

De qualquer forma, as maiores remunerações médias ficam com os advogados das áreas de contencioso tributário, consultivo tributário e empresarial/fusões e aquisições. Há casos em que os salários médios mensais chegam a R$ 20 mil. Vale lembrar que o mercado valoriza nos advogados atualização constante, formação de primeira linha e soluções rápidas e eficazes.

Compartilhar essa página