Quem não se comunica se trumbica

Por Juliana Porto

Uma comunicação forte é uma habilidade necessária em todos os estágios da carreira, mas especialmente em cargos de liderança. No entanto, um estudo da Robert Half Management Resources concluiu que quase um em cada três trabalhadores não dá a seus gestores notas altas nesta área.

O levantamento feito com mil empregados nos Estados Unidos mostrou que 30% dos entrevistados acreditam que os gerentes precisam melhores qualidades como comunicação e diplomacia. Mais conhecimentos técnicos (18%) e liderança (17%) ocuparam o segundo e terceiro, respectivamente, nas listas de desejos dos profissionais.
 
"Nos níveis gerencial e executivo, possuir habilidades técnicas é freqüentemente menos importante do que ser um bom líder e comunicador ", disse Tim Hird, diretor executivo da Robert Half Management Resources.  As melhores ideias não vão a lugar algum se um gerente não puder expressá-las efetivamente, e construir as relações de trabalho necessárias para executá-las, acrescentou.

Habilidades interpessoais e a diplomacia ganham mais importância na medida em que um profissional avança em sua carreira.  Saiba que líderes devem ser capazes de adaptar o seu estilo de comunicação ao indivíduo e reconhecer o que motiva cada membro da equipe. Os gerentes que se destacam nessa conquista alcançam maiores níveis de engajamento e produtividade dos funcionários.Veja cinco maneiras para melhorar suas habilidades de comunicação:

  • Peça feedback. Opiniões do seu gerente, pares e equipe são valiosas. Questione-os sobre seus pontos fortes e fracos, o tipo de comunicação que preferem e como você pode tornar mais fácil para eles te abordarem com dúvidas ou questões.
  • Encontre um modelo. Pense em um gerente que vocë admira ou que gosta do modo como ele lida com a equipe. O que faz esta pessoa se destacar? Observe como ela interage com os outros.
  • Defina sua zona de conforto e saia dela. Se você sofre ao lidar com conversas difíceis, peça dicas a um mentor ou colega confiável. Se fazer apresentações não é o seu ponto forte, faça uma aula de como falar em público ou una-se a um grupo como o Toastmasters.
  • Pratique a escuta.  Durante as conversas, foque-se no que os outros estão dizendo em vez de formular seu próximo pensamento. Faça uma pausa um segundo a mais para ter certeza que não irá interromper ninguém.
  • Seja você mesmo. Não tente ser um gerente que deixa de ser um indivíduo. Seja honesto e seja confiável. Mostre vulnerabilidade de tempos em tempos. Errar é humano - e sua equipe quer saber que você não é perfeito e não espera que eles também sejam.

* Juliana Porto é jornalista desde 2005 e começou sua carreira escrevendo justamente sobre... carreiras! De lá para cá, já cobriu finanças pessoais, consumo e tecnologia em redações no Rio e São Paulo, mas sempre acaba voltando ao tema com que começou sua vida profissional.

Compartilhar essa página