Qual é o seu estilo de gestão?

Por Adriana Fonseca

A pergunta “qual é o seu estilo de gestão” não é incomum em entrevistas de emprego, principalmente quando o profissional está disputando uma vaga que envolva a supervisão de outas pessoas. Você tem a resposta para essa pergunta na ponta da língua?

A saída, nesse caso, é dar ao headhunter uma resposta que mostre a sua eficiência como líder na medida certa para aquela equipe, sem parecer algo grandioso demais.

Aqui vai uma dica em série que pode funcionar muito bem. A estratégia foi compartilhada por Lily Zhang, uma especialista em desenvolvimento de carreira do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts). 

Defina boa gestão

O segredo para dar uma boa resposta é definir os parâmetros de como uma boa gestão deveria ser julgada. Para isso, você vai querer explicar o que você acredita ser um gestor forte. Pode ser algo como:

“É tão difícil apontar um estilo de gestão, mas acho que, em geral, um bom gerente dá instruções claras e, na verdade, permanece sem colocar a mão na massa, mas está pronto e disponível para entrar e oferecer orientação, experiência e ajuda quando necessário. Eu procuro sempre fazer deste o meu estilo de gestão.”

Adicione a sua rotação

Agora que você já definiu o que é um bom estilo de gestão, ofereça algo extra que você faz além do que já foi estabelecido.

“Em relação ao que me torna único, também faço todo o possível para ter certeza de que sei quando minha equipe precisa de ajuda. Eu não fico por aí e espero ser chamado pelos meus subordinados diretos - eu vou até eles. Isso significa muita checagem informal, tanto no trabalho que estão fazendo quanto na satisfação geral do trabalho e no bem-estar mental.”

Dê exemplos

Claro que esse discurso só vai funcionar se você tiver como comprovar tudo o que falou. Dê evidências do seu poder de gestão oferecendo histórias curtas que demonstrem as competências mencionadas.

* Adriana Fonseca é jornalista, tem 15 anos de experiência na cobertura de carreiras, empreendedorismo e startups e já publicou no jornal Valor Econômico, na Folha de S.Paulo e na revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

Compartilhar essa página