Novas contratações, identificando o momento ideal

Novas contratações

*Por Fernando Mantovani

Para a boa manutenção de uma casa é preciso ter à disposição os utensílios adequados. Uma vassoura gasta vai deixar pelo caminho a sujeira que deve ser eliminada, não importa quantas vezes ela seja passada no mesmo local.

O mesmo ocorre com um profissional ou uma equipe que está há muito tempo fazendo a mesma coisa, e acaba se acostumando a executar as tarefas sempre do mesmo jeito. Dizem que em time que está ganhando não se mexe, mas nesse caso não se trata disso. Se sua equipe se encontra dessa forma, pode ser o momento de considerar novas contratações.

Veja a Kodak!

No passado, a líder mundial de filmes fotográficos ficou obsoleta por achar que estava ganhando e não acompanhou os avanços das câmeras digitais.

Evitar a estagnação é primordial para qualquer empresa superar os momentos de crise. Dessa forma, uma nova contratação pode ser a vassoura que irá varrer bem. Espera-se que ele traga uma experiência diversificada, novas ideias e mais energia, tirando a equipe do estado de inércia, fazendo-a avançar.

Leia também: Vagas para profissionais de recursos humanos

Fernando Mantovani é diretor de operações da Robert Half Brasil, especialista em recrutamento e seleção.
Este artigo foi publicado em primeira mão no blog Sua Carreira, Sua Gestão, da Exame.com.

Tags: Recrutamento

Compartilhar essa página