Recrutamento online é eficiente, mas com olho no olho

Por Robert Half on 17 de abril de 2020

Você sabia que o recrutamento online é uma excelente ferramenta para selecionar candidatos à distância? A chave é escolher uma plataforma que permita fazer contato olho no olho com os entrevistados? Em tempos de isolamento e trabalho virtual, essa pode ser a melhor solução para garantir contratações mais acertadas em um negócio.

Envie sua vaga

Durante a produção da 11ª edição do Índice de Confiança Robert Half, mais de 80% dos profissionais responsáveis por realizar o recrutamento e seleção dentro de empresas afirmou que o processo de recrutamento é importante para garantir que o colaborador tenha uma boa experiência no trabalho. Além disso, 66% dos recrutadores entrevistados acredita que em 2020 a competição por profissionais qualificados está maior, se comparado ao cenário de 2019.

Os dados acima citados já poderiam por si só ser razões suficientes para que as empresas continuem entendendo o processo de seleção como uma ação estratégica para o negócio. Porém, no momento atual, boa parte das entrevistas têm acontecido remotamente, de modo que é preciso contar com a ajuda da tecnologia para assegurar a qualidade das contratações nesse cenário.

A melhor solução é que as entrevistas sejam realizadas com organização e contem com a utilização de recursos de áudio e vídeo. Dessa forma, é possível ter resultados tão satisfatórios quanto com o formato presencial.

A atuação da Robert Half no cenário de distanciamento social tem sido baseada quase inteiramente em estratégias de recrutamento online, desde a coleta do briefing da vaga com o cliente até a efetivação da proposta com o profissional. Mesmo assim, o resultado desses métodos é bastante positivo e não temos do que reclamar.

Se a sua organização está entre as que precisam seguir contratando, confira a seguir os benefícios do recrutamento online e entenda quais são os cuidados básicos para assegurar contratações eficientes.

Benefícios do recrutamento online

Um dos benefícios dessa medida é a flexibilidade para a realização de entrevistas quando houver motivos externos que dificultam a operação da empresa, como o isolamento social, ou algum incidente que impeça o uso de suas instalações (mudança de sede, falta de energia elétrica, reforma etc.).

Além disso, quando o recrutamento é realizado de maneira virtual, é possível entrevistar pessoas em qualquer lugar do mundo, independentemente da distância ou diferença de fuso-horário que separam o entrevistador e o entrevistado. Além disso, todas as etapas são realizadas em um ambiente da rede, incluindo a assinatura de contratos.

Isso confere celeridade ao processo de contratação, uma vez que não é preciso aguardar a realização de viagens pelo entrevistado ou a burocracia de cartórios para a assinatura do contrato. Portanto, o recrutamento online é uma alternativa bastante vantajosa para a empresa.

Agora que você já conhece os benefícios do recrutamento online, confira a seguir quais são os cuidados a serem tomados para garantir uma contratação eficiente!

Cuidados básicos que devem ser tomados processo de recrutamento online

1. Escolha da ferramenta

É possível fazer o processo por ferramentas como Skype, Zoom ou WhatsApp, entre outros. O importante é sempre optar pelo uso de áudio com vídeo porque o contato visual faz toda a diferença na conversa. Antes de escolher qual meio será utilizado, faça testes e explore suas funcionalidades.

2. Reunião de briefing

Agende uma conversa com o gestor do cargo em questão para verificar quais são os desejos e as necessidades dele em relação ao perfil de profissional que deseja contratar, além entender o escopo da vaga. Nesse bate-papo, vale fazer um alinhamento entre expectativas do gestor e a realidade da disponibilidade de profissionais qualificados no mercado.

3. Contato com o candidato

Ao abordar o candidato, questione se ele se sente confortável em participar de um processo totalmente online. Além disso, é fundamental entender o que ele pensa sobre iniciar em um novo trabalho no modelo home office e se desligar do atual empregador por meios online também, caso seja aprovado no processo seletivo.

4. Organização das entrevistas

Recentemente, em um processo online da Robert Half precisávamos que quatro candidatos finalistas fossem entrevistados por quatro gestores diferentes, somando 16 entrevistas. Para que desse certo, criamos um link de Skype para cada candidato e agendamos a sequência de entrevistas individuais.

5. Coleta do feedback

Ao final das entrevistas, o recrutador deve entender dos candidatos e dos líderes da vaga quais foram as respectivas impressões sobre o bate-papo e os pontos positivos e negativos da conversa. A ideia é saber se os profissionais têm interesse em seguir no processo e se o empregador já tem algum candidato de preferência.

6. Contratação

No caso dos clientes da Robert Half, o processo de envio dos documentos e preenchimento de formulários têm sido online. A alguns profissionais foi permitido o início do trabalho em modelo home office e, nesses casos, foi enviado para a casa do novo colaborador, via mensageiro, os equipamentos necessários para as atividades, como celular e notebook.

Entrevistas e contratações têm acontecido e há ferramentas de tecnologias para auxiliar nesses processos. Por isso, se você precisa aumentar a equipe ou substituir profissionais, não paralise as ações. A você que busca uma oportunidade eu aconselho não perder as esperanças. A hora é de quebrar paradigmas!

Agora que você aprendeu quais são as vantagens e cuidados a serem tomados no recrutamento online, quer descobrir como torná-lo ainda mais eficiente? Clique aqui e conheça nosso guia sobre recrutamento especializado.

Recrutamento especializado

 

More From the Blog...