O impacto da felicidade no desempenho do trabalho

Por on 31 de outubro de 2023

Quero escutar o Podcast

O impacto da felicidade no desempenho no trabalho

  1. Muitas coisas mudaram nos últimos anos
  2. Como prevenir para não ter de remediar?
Tempo estimado de leitura: 3 minutos

A felicidade, um tema muitas vezes considerado abstrato e subjetivo, tem tomado os holofotes em debates pertinentes ao ambiente corporativo, onde a satisfação dos colaboradores tornou-se um pilar fundamental para o desempenho de equipes. Este cenário desvela uma complexidade inerente na gestão contemporânea das organizações: compreender e fomentar a felicidade no local de trabalho.

Neste contexto, Thais Camargo, Diretora de Gente, Gestão e Cultura da IT'SSEG, enfatiza que existem estudos robustos que ilustram uma expressiva melhora na produtividade, criatividade e rendimento das vendas quando os colaboradores se encontram felizes e motivados, alcançando índices de até 31% de maior produtividade. A discussão torna-se ainda mais premente em um momento pós-pandêmico, que presenciou um crescimento alarmante de casos de ansiedade e depressão, como destaca Erika Moraes, branch manager da Robert Half.

Envie sua vaga

Quem é responsável pela felicidade?

Contudo, a grande indagação que paira é: a quem cabe a responsabilidade de cultivar essa felicidade? Segundo Erika, embora incumbe ao empregador criar um ambiente propício, a felicidade é uma jornada individual.

É um equilíbrio delicado onde o papel da empresa é fornecer as ferramentas e o ambiente para que cada indivíduo possa encontrar a sua própria felicidade. Para auxiliar nesta tarefa, a IT'SSEG desenvolveu uma inovadora ferramenta chamada "termômetro de humor", que permite uma monitorização contínua do estado emocional da equipe, dando margem para intervenções pontuais e significativas por parte dos gestores.

Em meio à esta empreitada, é imperativo desmistificar a equação de que um bom clima organizacional está atrelado a festividades e brindes. Erika sublinha que a verdadeira motivação surge da identificação com a missão da empresa e do reconhecimento continuado das contribuições individuais. A valorização do propósito pessoal e a consolidação de uma cultura de reconhecimento emergem, assim, como componentes cruciais para a saúde mental no ambiente de trabalho, uma vez que a infelicidade encontra-se visceralmente ligada a problemas de saúde mental, gerando altos índices de absenteísmo.

Um ambiente seguro e empatico é fundamental

Paralelamente, Thais destaca a importância de se estabelecer um ambiente seguro e empático, onde os gestores assumem um papel quase parental, cultivando uma visão cuidadosa e atenta às necessidades e flutuações emocionais dos seus liderados. Este olhar humano, que acolhe a imperfeição e compreende os altos e baixos inerentes ao ser humano, torna-se a chave para construir conexões profundas e significativas no local de trabalho.

Diante deste panorama, emerge a importância do autoconhecimento na jornada de busca pela felicidade. Erika ressalta que este é o alicerce que permite aos colaboradores compreenderem suas verdadeiras motivações e anseios, um conhecimento precioso que deve ser levado em consideração até mesmo em decisões como mudanças de emprego.

No entanto, esta não é uma responsabilidade única do colaborador. Thais sublinha a necessidade dos gestores de identificar e acionar os gatilhos corretos para cada indivíduo de suas equipes, uma estratégia que pode abranger desde metas bem delineadas até recompensas simbólicas e, ainda, a compreensão e alinhamento com o propósito da empresa.

Mas, afinal, é possível dissociar a felicidade no trabalho da felicidade na vida pessoal? Thais e Erika concordam que a vida é sustentada por diversos pilares, incluindo aspectos afetivos, financeiros e profissionais. A busca pelo equilíbrio entre estes pilares torna-se uma jornada contínua de autoconhecimento, onde as prioridades podem se alternar dependendo da fase da vida que o indivíduo está navegando.

Conclusivamente, fica evidente que a busca pela felicidade no ambiente de trabalho é uma estrada bidirecional, onde empresas e colaboradores caminham juntos em busca de um objetivo comum. Ao abraçar a complexidade da natureza humana e ao promover ambientes de trabalho seguros, inclusivos e conscientes, é possível não apenas fomentar a felicidade, mas também nutrir equipes mais resilientes, produtivas e harmoniosas, desenhando assim o futuro do trabalho, um lugar onde a felicidade não é apenas possível, mas é uma realidade palpável e cotidiana.

Ouça abaixo o episódio na íntegra.

 

Episódio #1: ESG: como ele impacta na hora de contratar? - com Carlo Pereira e Fernando Mantovani

Episódio #2: Match Perfeito na contratação - com Paul Ferreira, da FDC, e Mário Custódio

Episódio #3: Guia Salarial - com Leonardo Berto e Vitor Silva

Episódio #4: Saúde Mental - com Jackie de Botton, da TSOL, e Maria Sartori

Episódio #5: Transformação Digital nas empresas brasileiras - com Edvalter Becker Holz, do Insper, e Caio Arnaes

Episódio #6: Oficeless: desafio para o RH - com Matheus Fonseca, da Movile, e Lucas Nogueira

Episódio #7: Que venha 2022 - com Vittorio Danesi, da Simpress, e Fernando Mantovani

Episódio #8: Diversidade e Inclusão - Denise Brito, da Sodexo Débora Ribeiro

Episódio #9: Mentiras no Currículo - Amanda Adami e Thiago Zuppo (Robert Half)

Episódio #10: Dia Internacional da Mulher - Flavia Alencastro, Maria Sartori (Robert Half) e Tatiana Monteiro de Barros (UniaoBR) 

Episódio #11: Dia Internacional da Felicidade - Érika Moraes (Robert Half) e Renata Rivetti (Reconnect Happines at Work) 

Episódio #12: Tendências em Benefícios - Marcela Esteves (Robert Half) e Cesário Nakamura (Alelo) 

Episódio #13: Mitos e Verdades do Recrutamento - Alexandre Attauah e Carolina Cabral (Robert Half) 

Episódio #14: Universidades X Mercado de Trabalho - Leo Berto (Robert Half) e Professor Carlos Netto (Mackenzie) 

Episódio #15: Filhos no Curriculo - Michelle Terni (Filhos no Currículo) e Mariana Horno (Robert Half) 

Episódio #16: Síndrome do Impostor - Henrique Bueno (Wholebeing Institute Brasil) e Maria Sartori (Robert Half)

Episódio #17: Infoxicação - Luciano Pires (Café Brasil) e Vitor Silvério (Robert Half)

Episódio #18: Motivações para a liderança - Tatiana Iwai (Insper) e Mario Custódio (Robert Half)

Episódio #19: O futuro do trabalho - Daniel Luz (Miranos) e Lucas Nogueira (Robert Half)

Episódio #20: Neurodiversidade - Christine Schroeder (UFRGS) e Debora Ribeiro (Robert Half)

Episódio #21: Burnout - Rui Brandão (Zenklub) e Erika Moraes (Robert Half)

Episódio #22: New Hires - Eduardo Carmello (Entheusiasmos) e Glauco Benatti (Robert Half)

Episódio #23: O Papel do Headhunter - Mariana Santos, Caio Rodrigues e Müller Gomes (Robert Half)

Episódio #24: A importância de estudar novos idiomas para o mercado - Ho Mien Mien (Outliers Academy) e Caio Arnaes (Robert Half)

Episódio #25: Guia Salarial - Vitor Silva e Leonardo Berto (Robert Half)

Episódio #26: Você sabe o que é o etarismo e como combatê-lo nas empresas? - Cris Pàz (crizpaz.art) Ana Guimarães e Patrícia Alves (Robert Half)

Episódio #27: A acessibilidade no cotidiano das empresas - Bruno Mahfuz (Guiaderodas) e Debora Ribeiro (Robert Half)

Episódio #28: Saúde Mental - Guilherme Spadini dos Santos (psiquiatra e psicoterapeuta), Diana Gabaniy (The School of Life) e Maria Sartori (Robert Half)

Episódio #29: Porto Digital - Beto Macedo (C.E.S.A.R) e Reiva Melo (Robert Half)

Episódio #30: Nomadismo Digital - Matheus de Souza (Nômade Digital) e Alex Arima (Robert Half)

Episódio #31: Inovação com Cuidado - Demetrio Teodorov (Kyvo) e Luciano Vitor (Robert Half)

Episódio #32: Marca pessoal: você é o que você posta? - Flávia Montes (Brand You Up) e Amanda Adami (Robert Half)

Episódio #33: Você sabe qual é o impacto do storytelling na sua vida? Confira! Confira! - Leonardo Calixto (Youexp) e Lucas Nogueira (Robert Half)

Episódio #34: Disciplina e Educação Financeira - Maria Rosenberg (Pontte) e Vitor Silva (Robert Half)

Episódio #35: Dicas de Entrevista - Lais Vasconcelos e Patricia Alves (Robert Half)

Episódio #36: Profissionais de Tecnologia - Elisa Jardim e Viviane Sampaio (Robert Half)

Episódio #37: Como desconstruir estereótipos de gênero - Tatiana Iwai (Insper), Patricia Alves e Flávia Alencastro (Robert Half)

Episódio #38: Mistura geracional é a grande novidade do mercado de trabalho na atualidade - Sérgio Serapião (Labora RH) e Fernando Mantovani (Robert Half)

Episódio #39: LGPD para Leigos - Mauricio Rotta (GEP Compliance) e Elisa Rodrigues (Robert Half)

Episódio #40: Perspectivas de Mercado - Odair Abate (Noroeste) e Leonardo Berto (Robert Half)

Episódio #41: Os rumos do profissional de ESG - Viviane Torinelli (Referência na área de ESG) e Ana Carla Guimarães (Robert Half) 

Episódio #42: Cultura Corporativa - Mariana Santos e Amanda Adami (Robert Half) 

Episódio #43: Encantamento - Alexandre Slivnik (Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento) e Fernando Mantovani (Robert Half) 

Episódio #44: Superação - Daniel Dias (Campeão Paralímpico) e Debora Ribeiro (Robert Half) 

Episódio #45: Comunicação Não-Violenta - Nolah Lima (Instituto CNV Brasil) e Érika Moraes (Robert Half)

Episódio #46: Intergeracionalidade - Sérgio Serapião (Labora RH) e Fernando Mantovani (Robert Half)

Episódio #47: Procrastinação - Christian Barbosa (Xgrow) e Vitor Silvério (Robert Half)

Episódio #48: Benefícios - Leopoldo Veras (Omni) e Vitor Silva (Robert Half)

Episódio #49: Futuro do Trabalho - Piero Franceschi (Startse) e Fernando Mantovani (Robert Half)

Episódio #50: Atração e Retenção - Carolina Cabral e Marcela Esteves (Robert Half)

Episódio #51: Saúde Mental - Diana Gabanyi (TSOL) e Maria Sartori (Robert Half)

Robert Half Talks

Lançado em outubro de 2021, o Robert Half Talks está disponível nas principais plataformas de áudio e agregadores de podcasts. Em um bate-papo inteligente e descontraído entre headhunters da companhia e grandes nomes do mercado, o Robert Half Talks será uma atração quinzenal, com o objetivo de levar aos ouvintes discussões relevantes sobre o futuro do trabalho e dicas de como se adaptar a um mundo em constante transformação.

Mais informações sobre o Robert Half Talks você confere em: Podcast: Robert Half Talks | Robert Half

Saiba como os recrutadores da Robert Half podem ajudar você a construir uma equipe talentosa de colaboradores ou avançar na sua carreira. Operando em mais de 300 locais no mundo inteiro incluindo nossas agências de empregos de São Paulo. A Robert Half pode te fornecer assistência onde e quando você precisar.

Mais em nosso Blog