Recrutamento e seleção de pessoas: como montar o time dos sonhos?

Por Robert Half on 7 de novembro de 2022
    Tempo estimado de leitura: 8 minutos

    Como montar o time dos sonhos? A vigésima segunda edição da Copa do Mundo, que acontece neste ano no Catar é, sem sombra de dúvida, o evento esportivo mais importante de 2022. Um momento de muita expectativa para as equipes, torcidas e especialmente para os técnicos, personagens importantes, que circulam ao redor do gramado, mas que fazem a diferença e influenciam todo o time. O peso da vitória - ou da derrota - recai sobre os ombros desses profissionais, peças-chave na formação de uma equipe e tenha como objetivo bater metas e superar a concorrência.

    Envie sua vaga

    ​Já parou para pensar em como podemos usar o futebol para entender os processos de gestão das empresas? Há muitas semelhanças, por isso utilizaremos esse paralelo para ilustrar pontos importantes e facilitar sua compreensão acerca de nosso foco aqui: o recrutamento e seleção de pessoas.

    Confira também: Líder: o capitão do time

    Tendo como referência a Copa do Mundo, colocaremos você no papel do técnico de uma equipe prestes a entrar em uma competição dessa magnitude. O que podemos tirar das lições fundamentais na formação de um time dos sonhos? Leia até o fim e aprenda como transportar esses princípios para sua própria experiência enquanto gestor. Vamos lá?

    O que é preciso para criar uma equipe vencedora?

    Apesar do ânimo e empenho, são poucos os grupos que chegam longe ou se destacam na competição. Assim como no mundo dos negócios, é um grande desafio criar uma equipe composta pelos melhores jogadores. Além do processo seletivo em si, é necessário gastar tempo e investimento na busca pelos jogadores ideais. Trataremos desses pontos a seguir.

    atrair talentos

    Empenhe-se na escalação do seu time

    O preço para a contratação de um jogador varia de acordo com o interesse do mercado. Se ele já tem um histórico de conquistas, certamente o valor de seu passe será maior, o que pode ser um empecilho para o orçamento disponível para a empresa.

    Por outro lado, existem também aqueles que começaram desde os times de base na instituição e os talentos descobertos ao longo do caminho. São pessoas que, além de custar bem menos do que a contratação de uma estrela, vestem a camisa com muito mais empenho.

    É fundamental, portanto, que haja no gestor uma preocupação constante com o processo de recrutamento. Faça-se a seguinte pergunta: quanto tempo de trabalho você gasta na aquisição de novos membros para o seu time? Para descobrir os verdadeiros talentos, é necessário acompanhar de perto o processo de seleção.

    Valorize aqueles que vestem a camisa

    Dificilmente um time tem dinheiro sobrando para contratar várias estrelas. Vale lembrar que o interesse dos trabalhadores não reside apenas nos ganhos de salário. Alguém se filia a uma empresa ou equipe porque acredita na visão propagada por aquela instituição, confia nas possibilidades de crescimento profissional e do grupo.

    Mais do que a questão do salário, o que mantém um jogador em um time é a sua crença de que aquela é uma equipe de sucesso. Ninguém gosta de jogar em times que já sabe que será derrotado. Por isso, ninguém melhor do que o gestor para vender uma visão e convencê-los do sucesso de determinado negócio.

    Leia também: Formando uma equipe de sucesso

    Quais são as peças necessárias para montar um time dos sonhos?

    Assim como no futebol, existem diferentes atores que compõem o jogo. Traremos alguns exemplos a seguir.

    O Capitão

    Trata-se daquele membro que guiará as ações dos outros jogadores, a partir de uma visão planejada de direcionamento e gestão. Essa função não coincide com a do melhor profissional, do mais habilidoso. Liderar, portanto, é uma habilidade diferente de ter um nível técnico muito alto.

    O mais importante aqui é que o capitão saiba identificar quais são as habilidades principais de cada um e de como isso pode ser direcionado durante o jogo. Deve ser uma figura que transmite confiança e que tenha uma visão tanto externa quanto interna das relações, já que ele também faz parte desse grupo.

    A estrela do time

    Esse é um ingrediente desejado por qualquer instituição. Quem não gostaria de ter uma estrela do futebol jogando no seu time? É uma figura com grande potencial, podendo ser responsável individualmente por aquele gol no último instante. Eleva o nível do grupo como um todo e também tem a capacidade de transmitir confiança para os colegas.

    Ainda assim, esse ou esses jogadores devem ser posicionados com inteligência pelo técnico. O mundo futebolístico e o dos negócios têm passado por transformações visíveis nesse sentido. Antigamente, a figura de uma estrela implicava muito mais na vitória ou derrota de uma equipe, o que trazia também um peso grande para esses profissionais.

    Aos poucos, essa cultura vem mudando. Entendemos que a presença de uma estrela também pode ser muito nociva para os outros jogadores, a depender do espaço que ele ocupa no time. Deve haver uma aposta na capacidade de cada indivíduo colaborar de forma decisiva para a equipe e não depositar essas esperanças apenas em um ou dois.

    Os demais jogadores

    Compreendemos hoje que o desempenho da equipe como um todo é muito mais importante do que a performance de determinada pessoa. Ainda que haja duas ou mais estrelas em um time, é necessário que cada um consiga contribuir de maneira relevante durante o jogo.

    Contar com o sucesso de apenas um de seus membros é uma cilada tentadora, que acaba por colocar os outros em uma zona de conforto e ainda sobrecarrega um indivíduo. Os times que tem obtido maior destaque atualmente são aqueles que conseguem trazer essa visão de equipe para o campo.

    Motivação é a palavra chave

    Não dá para falar do gerenciamento de um time sem motivá-lo. Certo? Por isso separamos alguns itens que muito importantes para que você motive o seu time ao máximo e extraia a melhor performance ele "em campo".

    Estabeleça a cultura da companhia

    Uma nova equipe precisa saber o que se espera dela, portanto, você deve estabelecer a cultura da empresa que deseja manter desde o início. Também não se esqueça do seu trabalho como líder – ser um bom facilitador desses valores da equipe garantirá que todos permaneçam no caminho certo.

    Assegure com que todos se sintam respeitados

    Em todos os níveis, os membros da equipe devem se sentir respeitados como funcionários e seres humanos. Mostre respeito aos colaboradores e reconheça-os como um todo. Isso aumentará a confiança, o bem-estar e até mesmo a produtividade deles.

    Comunique-se de forma clara  

    A comunicação eficaz mantém as equipes conectadas e sincronizadas. Equipes que não se comunicam não conseguem trabalhar de maneira clara e transparente. Está passando por uma situação? Não deixe de contar para os membros do seu time. Consulte-os e peça a opinião deles, isso faz com que a resolução seja muito mais fácil.

    Entretanto, não compartilhe só os problemas. Encontrou soluções para os problemas ou teve alguma ideia criativa? Não deixe de compartilha-los com seu time.

    Dê e receba feedback

    Para dar um bom feedback, temos que estar atentos aos nossos próprios erros. E, mesmo quando não há nada de errado, criticas construtivas e feedback também ajudam os membros da equipe a crescer. O feedback é uma ferramenta poderosa para construir o moral do seu time e fazer com que a motivação cresça. A troca de informações proporciona um aprendizado constante e muito rico.

    Organize-se da melhor maneira possivel

    Bons líderes são organizados. Eles prestam muita atenção ao gerenciamento da equipe e verificam regularmente como as pessoas estão se saindo.

    A partir do momento em que você começa a aprender a construir uma equipe forte, a implementar processos organizacionais e sistemas de gerenciamento de projetos, isso evita com que você fique sobrecarregado e impulsiona o sucesso de sua equipe.

    Celebre as vitórias das pessoas

    Todo esse trabalho em equipe merece comemoração. Fique de olho no excelente desempenho da equipe e não hesite em reconhecê-lo. Alguns objetivos podem ser difíceis de atingir para um indivíduo que trabalha sozinho, mas fáceis de alcançar como uma equipe.

    Elogiar o trabalho árduo de sua equipe cria uma atmosfera que incentiva as pessoas a assumir riscos e mirar mais alto. Mesmo que falhem, eles saberão que têm uma equipe que os apoia.

    Valorize a diversidade do seu time

    Trabalhar com pessoas com perspectivas e experiências diferentes é um fator que beneficia o seu negócio. Ao invés de diminuir as características que tornam os membros da sua equipe únicos, você deve valorizá-las. Isso ajudará os membros da equipe a se sentirem seguros o suficiente para serem autênticos.

    O que aprendemos com o futebol para o recrutamento e seleção de pessoas?

    Por fim, vamos retomar os paralelos feitos até aqui no formato de lições, para que você possa levar pra casa a mentalidade de um técnico vencedor:

    • crie uma cultura positiva na empresa, pautada pela solidariedade e respeito mútuo entre os pares;
    • deixe claro as funções e tarefas de cada um dos participantes, para que todos efetivamente contribuam com o desempenho do time;
    • acompanhe de perto o processo de seleção sempre que possível, lembre-se que você é responsável pela composição de cada parte dessa engrenagem.

    No campo ou nos escritórios, o trabalho dos líderes é fundamental na criação e manutenção de uma equipe de sucesso. Tanto o gestor como o técnico de um time vitorioso devem, antes de qualquer coisa, conseguir escalar um time de profissionais de qualidade e que funcionem bem enquanto grupo.

    Como você já deve ter percebido, o momento de recrutamento e seleção de pessoas deve ser uma constante na vida de qualquer gestor. Trata-se de um processo que raramente se interrompe na contratação de um funcionário. Porém, se estende no acompanhamento necessário de seu desenvolvimento e interação com os outros.

    Portanto, não é do dia para a noite que uma verdadeira equipe é formada. É necessário um trabalho árduo e constante por parte do gestor, que deve se manter por todo o campeonato, não apenas no momento da escalação e escolha dos jogadores.

    E agora, você conseguiria chegar às finais da Copa do Mundo com o seu time? Siga-nos nas redes sociais (Facebook, Instagram, LinkedIn, Twitter e YouTube) e tenha acesso a outros conteúdos de qualidade no campo da gestão empresarial e do mundo do trabalho!

    Criando uma Equipe Vencedora

    Baixe o material completo, gratuitamente, clicando na imagem

    Saiba como os recrutadores da Robert Half podem ajudar você a construir uma equipe talentosa de colaboradores ou avançar na sua carreira. Operando em mais de 300 locais no mundo inteiro incluindo nossas agências de empregos de São Paulo. A Robert Half pode te fornecer assistência onde e quando você precisar.

    Mais em nosso Blog