Evite que problemas pessoais arruínem seu trabalho

Como evitar que problemas pessoais arruínem seu trabalho

Por Juliana Porto

A vida fora do trabalho nem sempre é um mar de rosas. Dívidas, problemas de saúde na família, divórcio, filhos com dificuldades na escola, falta de tempo para cuidar de si… São muitas as razões para nos tirar do sério e do foco durante o expediente. Mas como fazer para que os problemas pessoais não interfiram no trabalho? Pode parecer difícil, mas não é impossível. Veja as dicas que o blog da Robert Half separou para você tentar lidar melhor com essas situações.

Respire fundo e vá em frente

Todo mundo tem problemas pessoais e a sua situação pode não ser tão especial. Saiba avaliar o caso em primeiro lugar. Também não é legal ser aquela pessoa que reclama dos problemas o tempo todo, sabe? Não se deixe intoxicar - e ser tóxico para os outros - por causa de suas dificuldades. Avante!

Converse com seu gestor

As pessoas tendem a ser compreensivas nestes casos. Se o seu chefe for alguém em quem você realmente confia e você se sente à vontade para se abrir, esta é uma boa saída. Assim, você se antecipa caso a situação possa interferir no seu desempenho ou exigir que você fique alguns dias fora.

Seja profissional: há fases em que o mundo parece cair sobre nossas cabeças, não é mesmo? Muitas vezes falta ânimo para seguir. Mas a lista de trabalho te espera: reuniões, clientes e o relatório daquele projeto importante que você se dedicou tanto, lembra? Erga a cabeça e seja aquele profissional que sempre foi, não deixe a bola cair, hein?

Dê o melhor de si: mesmo que seja muito difícil, procure deixar os problemas em casa. Às vezes, quando passamos por um momento complicado, situações ruins aparecem de todos os lados. Que tal se focar para que o trabalho também não seja afetado? Procure se dedicar. Com foco e concentração no ambiente corporativo você tira a cabeça dos problemas e casa e evita que mais uma situação ruim aconteça. Seja forte! Tudo vai dar certo!

 

Juliana Porto é jornalista desde 2005 e começou sua carreira escrevendo justamente sobre... carreiras! De lá para cá, já cobriu finanças pessoais, consumo e tecnologia em redações no Rio e São Paulo, mas sempre acaba voltando ao tema com que começou sua vida profissional.

Tags: Carreira, Emprego

Compartilhar essa página