Estude a vaga antes de se candidatar

*Por Leticia Krauskopf

Você já se candidatou para alguma vaga que achou interessante, mas que alguns itens não se encaixavam exatamente com o seu perfil? Essa situação é mais comum do que se imagina e, acredite, pode prejudicar a sua recolocação profissional. Muitos profissionais se candidatam a vagas de emprego sem ler completamente os seus pré-requisitos. Como resultado, passam a imagem pra o recrutador de que não são criteriosos e detalhistas, duas características importantes no mercado de trabalho.

É importante ter em mente de que o candidato só será chamado para a entrevista caso cumpra todas as exigências da vaga. Os requisitos que os candidatos mais subestimam nas vagas ao enviar currículos são três: experiência, idiomas e localização.

Experiência em determinado sistema ou processo
Quando a experiência é solicitada, não é suficiente conhecer um sistema ou um processo na teoria. Ou seja, não vale ter estudado na faculdade ou saber do que se trata. Experiência significa prática: é preciso ter aplicado a ferramenta durante algum tempo para dominá-la bem no trabalho.

Idiomas
Posições que exigem inglês fluente não aceitam inglês intermediário. Muitos profissionais se candidatam pensando que podem estudar um pouco antes de fazer a entrevista, ou imaginam que a empresa aceitaria um nível menor de fluência no idioma. Não adianta mentir para o recrutador – seu domínio da língua será testado e sua honestidade será questionada.

Localização
A vaga busca profissionais apenas da Zona Sul de São Paulo? Não adianta se candidatar se você morar em Alphaville. O mesmo vale para candidatos de outras cidades ou estados. Muitas empresas estão abertas a profissionais de outras regiões, mas se a exigência for expressa no anúncio, é muito difícil que a empresa aceite currículos com outros endereços. Os pré-requisitos são definidos pelas empresas com base em muitos aspectos importantes: cultura organizacional, características dos superiores e experiências anteriores com outros profissionais, por exemplo. Sempre existe uma explicação para que uma empresa peça inglês fluente ou domínio de alguma ferramenta.

Portanto, antes de se candidatar a uma vaga, repense: tenho todas as características pedidas pela empresa? Caso a resposta seja não, é melhor partir para outra oportunidade que seja mais próxima do seu perfil.

*Leticia Krauskopf é consultora de recrutamento da Robert Half

Tags: Empregos

Compartilhar essa página