Preciso dar referências profissionais durante a entrevista?

Por Robert Half 14 de novembro de 2018

Hoje em dia, o processo seletivo vai muito além da análise do seu currículo e da entrevista. Ao avançar em uma seleção, normalmente o headhunter desejará conversar com algumas pessoas, inclusive gestores que já trabalharam com você em empregos anteriores, para coletar referências antes de fechar a posição.

O objetivo da checagem de referências é ter uma visão mais abrangente de você. Em uma entrevista, as informações são passadas ao recrutador de acordo com o seu ponto de vista e opinião, mas em alguns casos os candidatos passam a imagem de serem pessoas diferentes do que realmente são.

Por isso, checar referências com quem trabalhou diretamente com o você é a melhor maneira para o headhunter confirmar se está falando a verdade sobre seu comportamento e experiências.

Afinal, quem devo indicar para fazer uma referência sobre mim?

Sim, neste momento é comum aparecer na sua mente uma lista com vários nomes das pessoas que trabalharam com você. Isso vai servir para uma das etapas mais importantes de um processo de recrutamento, que é a tomada de referências. Mas ao escolher alguém para falar sobre você, escolha com sabedoria.

As melhores referências profissionais são aquelas pessoas que trabalharam com você e conhecem seu potencial, geralmente, sendo seu par, gestor ou até mesmo um subordinado. Indique colegas que tinham uma relação saudável com você - caso tenha algum conhecido que a convivência não era das melhores, evite indica-lo, pois poderá receber um feedback negativo.

Não adianta apenas indicar amigos próximos

Ao checar referências, além de confirmar que as informações relatadas por você são precisas, o headhunter vai querer saber como seus colegas o enxergavam nas atividades do dia-a-dia. E não adianta somente listar os contatos dos seus amigos mais próximos. O headhunter irá muito além dos nomes que você indicou para formar uma opinião sobre você. 

Portanto, a dica é que você cuide do seu relacionamento interpessoal e seja um bom profissional para que você seja sempre bem lembrado.

O seu processo de recrutamento começa bem antes do que você imagina

Assista abaixo à explicação de Carolina Cabral, gerente de recrutamento da Robert Half, sobre o tema.

 

Está a procura de uma oportunidade?

A Robert Half é referência em recrutamento especializado e pode ter a vaga perfeita para o seu perfil. Veja as nossas oportunidades disponíveis e envie seu CV!

ENVIE SEU CURRÍCULO

More From the Blog...