Entenda o impacto do retorno ao trabalho x fuga de talentos

Por Robert Half on 15 de agosto de 2022

 

Entenda o impacto do retorno ao trabalho x fuga de talentos

    Desmotivação, falta de oportunidades, grama mais verde no lado do vizinho…

    Muitos são os fatores que fazem profissionais desistirem de seus empregos atuais e olharem para o mercado.

    O período de transformações pelo qual passamos nos dois últimos anos mudou muita coisa no mercado, principalmente para profissionais qualificados que têm agora mais opções e podem negociar outras oportunidades.

    Quer saber como evitar essa situação? Confira os dados que separamos sobre a fuga de talentos que ocorre atualmente nesta fase de retorno ao trabalho presencial.

    Desafios enfrentados pelas empresas

    39% dos profissionais qualificados disseram que recusariam uma oferta de trabalho caso a empresa não ofereça um trabalho 100% remoto ou flexível.

    48% dos desligamentos de profissionais qualificados em 2021 foram a pedido dos colaboradores.

    56% dos executivos disseram que o turnover aumentou em relação ao período pré-pandemia.

    Como se preparar para evitar impactos negativos

    Preocupe-se com inovação

    Invista em tecnologia de ponta para facilitar o trabalho dos colaboradores. Essa é uma demonstração de cuidado com a equipe e ajuda com o desenvolvimento tecnológico da empresa.

    Crie planos de carreira

    A cada trimestre, ofereça retornos e avaliação ao colaborador. Assim, a empresa demonstra interesse na carreira dos funcionários, contribui para o desenvolvimento e oferece oportunidades alinhadas à experiência do profissional.

    Ofereça melhores benefícios

    A flexibilização da jornada de trabalho, modelo híbrido ou remoto, vale-refeição, bom plano de saúde, entre outros, são alguns exemplos de benefícios que atraem e retêm o profissional moderno.

    Mantenha uma comunicação aberta e horizontal

    Os melhores lugares para trabalhar oferecem uma comunicação aberta para todos. Por isso, os canais de comunicação digital são grandes facilitadores. Assim, os colaboradores não se sentem inferiores a ninguém — e, sim, parte de uma comunidade.

    Conversas frequentes e feedback

    O feedback, tanto positivo quanto negativo, é tão importante para os colaboradores quanto as empresas imaginam. A falta deste tipo de prática pode aumentar o índice de rotatividade, fazendo o negócio perder ótimos talentos.

    Maior flexibilidade e iniciativa

    A flexibilidade é a solução para o sucesso diante de um mercado competitivo. Além disso, falar sobre questões que são importantes para os funcionários, fortalece a marca empregadora, tornando uma opção de escolha para os trabalhadores que têm a opção decidir onde trabalhar.

    Melhorar da cultura corporativa

    Ter uma cultura da empresa bem estruturada, disseminá-la e mantê-la deve ser uma missão abraçada com responsabilidade. Dessa forma, é possível que as boas práticas culturais inspirem os funcionários e, principalmente, falem sejam leais a empresa.

    Oportunidades de treinamento e desenvolvimento

    O treinamento e desenvolvimento devem ser vistos como parte da estratégia de crescimento da empresa. Afinal, as pessoas precisam estar devidamente preparadas para executar e acompanhar o avanço do negócio.

    Conte com a Robert Half

    Encontre os melhores talentos para a sua empresa! São diversos profissionais em busca de uma grande oportunidade. Conte também com uma solução estratégica para gerenciar seus recursos e negócios. Conheça a Robert Half!

    Acesse: roberthalf.com.br

    Fontes: Índice de Confiança Robert Half - Edições 19 e 20

    Pesquisa com 300 executivos C-level brasileiros

    Mais em nosso Blog