Apps para falar inglês, beber mais água ou meditar

By Robert Half 7 de fevereiro 2018

Por Juliana Porto

Você não larga do celular? Os smartphones - como vivíamos antes deles mesmo? -  são praticamente a extensão do ser humano e podem carregar informações relevantes sobre nós, como fotos, dados bancários e até documentos importantes. Mas você obtém o melhor do seu dispositivo ou vive alternando entre o Instagram e o Facebook no seu tempo livre? Que tal utilizar este tempo ocioso para ter mais sucesso em 2018? A Robert Half selecionou alguns aplicativos que vão  te ajudar.

Inglês, francês ou espanhol? Para quem quer melhorar o inglês ou começar a aprender uma nova língua estrangeira, o Duolingo pode ajudar. A proposta é ensinar idiomas de forma lúdica.  Com ele, é possível avançar níveis, traduzir conteúdos, participar de fóruns e adicionar contatos como em uma rede social. O aplicativo envia lembretes para você não abandonar sua meta diária.

Diga adeus às fake news. Com o Feedly, você fica a par das principais manchetes do mundo. O aplicativo integra as atualizações de seus jornais, revistas e sites preferidos e ainda oferece a opção de alertas para tópicos importantes. Não se esqueça: o mercado pede profissionais bem informados.

Os dias têm sido estressantes, você anda agitado demais ou dormido mal? Isso afeta diretamente a sua produtividade. Uma boa saída pode ser começar a meditar. Mas eu sei que você vai dizer que não tem tempo para isso. Uma potencial solução pode estar no aplicativo Headspace, que oferece pacotes de meditação gratuitos de apenas 10 minutos.

Bebeu água? Não? Você precisa do aplicativo Hydro. Ele pretende  ajudar quem bebe água com pouca frequência já que hidratar-se corretamente é tão importante quanto comer bem. O app ajuda a lembrar e a monitorar a quantidade do líquido ingerido por dia, e envia notificações de hora em hora com um lembrete.

Quer aprender mais sobre criptomoedas, aprofundar seus conhecimentos sobre física quântica ou entender mais os problemas ambientais? Suas respostas podem estar no TED, que tem um acervo de mais de 2 mil palestras em seu aplicativo. Os vídeos de até 18 minutos possuem legendas em mais de 100 idiomas. É possível baixar  o áudio das palestras para reprodução offline.

Juliana Porto é jornalista desde 2005 e começou sua carreira escrevendo justamente sobre... carreiras! De lá para cá, já cobriu finanças pessoais, consumo e tecnologia em redações no Rio e São Paulo, mas sempre acaba voltando ao tema com que começou sua vida profissional.

More From the Blog...