Como gerenciar multigerações no ambiente de trabalho

Por Juliana Porto

Uma nova ordem se configura no mundo do trabalho. Com as pessoas vivendo e trabalhando mais, iremos conviver com mais gerações ao mesmo tempo no escritório, algo inédito até então. Ao contrário do que muitos gestores pensam, esta situação não precisa ser vista como um problema a ser contornado. Ela pode, na verdade, ser uma solução.

“Muito frequentemente, gestores veem estas diferenças como negativas, mas construir um time com perspectivas, ‘insights’ e pontos fortes diversificados só podem ser positivas, levando ao aprimoramento de produtos e serviços”, disse o diretor-executivo da Robert Half Management Resources, Tim Hird.

Para Hird, grande parte da consternação sobre as diferenças entre gerações no local de trabalho é freqüentemente inútil. "Gerenciar uma equipe multigeracional não precisa ser difícil", acrescentou.

Cada geração possui uma perspectiva diferente e isso deve ser abraçado. Mudanças por parte dos empregadores, como novos métodos de comunicação e maior equilíbrio entre vida profissional e familiar, beneficiam empresas e funcionários da mesma forma..

Confira abaixo cinco dicas para gerenciar um ambiente de trabalho onde convivem várias gerações:

Não pense demais sobre o assunto: entenda o que todos querem para fazer um bom trabalho e ajudar a companhia. Isso estabelece uma fundação forte na construção de relacionamento.

Customize seu estilo: Uma equipe possui atributos comuns, mas também tem necessidades individuais. Adeque sua gestão para os pontos fortes, personalidades e aspirações de cada um.

Saia do escritório: organize eventos externos para dar a seu time a chance de se conhecer em um ambiente diferente.

Deixe os mais novos assumirem: incentive os menos experientes a se aconselhar e falar sobre suas ideias com colegas veteranos. Também convide membros da equipe de todas as gerações para compartilhar suas expertises.

Diversifique a equipe: reúna grupos com habilidades complementares e perspectivas diversas. Isso pode levar à inovação e novas técnicas de resolução de problemas.

* Juliana Porto é jornalista desde 2005 e começou sua carreira escrevendo justamente sobre... carreiras! De lá para cá, já cobriu finanças pessoais, consumo e tecnologia em redações no Rio e São Paulo, mas sempre acaba voltando ao tema com que começou sua vida profissional.

Compartilhar essa página