Como delegar tarefas certas para as pessoas certas

Alguns profissionais que chegam a cargos de gestão têm uma grande facilidade em delegar tarefas desde o começo. Já para outros, a tendência é centralizar tudo nas próprias mãos. Só que esse comportamento de concentrar todas as tarefas sob o poder de uma só pessoa pode virar um problemão: equipe desmotivada, sobrecarga de trabalho para o gestor e, por conta disso, falhas na produtividade e na qualidade das execuções. No livro Trabalhe Menos, Faça Mais, Jan Yager dá algumas dicas para delegar melhor.

1. Escolha o que você está disposto a delegar
Um gestor deve usar seu tempo em atividades críticas para o negócio – tarefas, portanto, que só um líder pode executar. O resto deve ser repassado à equipe.

2. Escolha para quem vai cada tarefa
Observe a sua equipe. Aprenda as características e habilidades de cada funcionário. Assim você conseguirá distribuir melhor as tarefas, de acordo com as competências de cada um – ao invés de repassar o trabalho levando em conta apenas quem está menos atarefado.

3. Confie na sua equipe
Delegou? Agora confie nos seus funcionários. Isso significa deixá-los fazer o trabalho do jeito deles. É claro que a tarefa precisa ser bem feita, mas isso não quer dizer necessariamente do seu jeito.

4. Dê instruções claras
O desafio do gestor é encontrar o equilíbrio entre explicar demais, a ponto de o subordinado se sentir insultado, e não dar informação suficiente a ponto de comprometer o trabalho.

5. Defina uma data e acompanhe o processo
Coloque um prazo para aquela tarefa ser concluída e vá checando, ao longo do processo, como está o desenvolvimento do projeto. Isso evita retrabalho no fim do cronograma.

6. Dê o crédito
Com o trabalho concluído, não esqueça de dar um feedback aos envolvidos. E, se achar que vale a pena, amplie o reconhecimento pela tarefa bem feita para os demais da equipe. Isso motiva os funcionários.

Compartilhar essa página