Como contratar a Geração Z

Nascidos entre meados dos anos 90 e 2010, a “geração digital” em breve estará entrando no mercado de trabalho. Saiba o que esse grupo espera das oportunidades de emprego e aprenda como se preparar para contratar a Geração Z.

Comunique-se de forma diferente
A Geração Z cresceu com a tecnologia digital na ponta dos dedos. Quando você planeja recrutar, precisa saber atingi-los e falar a língua deles. Diferentemente das Gerações X e Y, que trabalham bem com e-mails, a Geração Z escolheu as mensagens como sua principal forma de comunicação, usando abreviações, gírias e até mesmo emoticons. Vale a pena se comunicar usando as plataformas com que esses jovens estão acostumados. As redes sociais são uma área de intensa comunicação, então é importante aprender a introduzir políticas de uso de mídias digitais no trabalho. O YouTube é o Google da Geração Z – está tudo relacionado ao visual. Empregadores precisam estar preparados para conduzir entrevistas por vídeo. Os candidatos estarão à vontade com essa plataforma – eles cresceram em frente a câmeras, sendo as estrelas de selfies e vídeos. Essa geração é também muito eficiente para processar informações, então eles esperam ter acesso fácil à tecnologia e à informação no trabalho.

Dê adeus ao esquema “9h às 18h”
Com maior acesso a educação, informação e apoio do que qualquer outro grupo, a Geração Z provavelmente será incrivelmente inteligente e ambiciosa. Na era das start ups, empreendedores com vontade de vencer serão grande parte da força de trabalho. Trocar de carreira não apenas uma mas possivelmente três ou quatro vezes não será estranho para a Geração Z. Como a Geração Y, mudar de emprego será tão comum que os departamentos de RH terão que reduzir o custo de recrutamento. Não espere que a Geração Z se conforme com as horas de trabalho padrão. Graças à sua habilidade e à tecnologia existente, eles podem se comunicar de qualquer lugar e a qualquer hora, o que torna o esquema “9 às 18” cada vez menos relevante. Reuniões por videoconferência às 20h30 e ir para o escritório às 11h serão mais comuns.

Trabalhar precisa ser divertido
Filhos das Gerações X e Y, os jovens da Geração Z estão sendo educados para fazer o que amam e não apenas trabalhar para pagar as contas. Como seus pais se rebelaram contra a forma de pensamento dos Baby Boomers, que pregavam o trabalho pelo trabalho, a Geração Z vai esperar ter mais diversão e propósito pessoal em suas carreiras. Eles desejarão crescer e aprender no trabalho – e terão expectativas de treinamento, feedback constante, apoio pessoal e, acima de tudo, elogios. Esteja preparado para desenvolver uma relação intensa com eles. O ambiente de trabalho atual está se preparando para mudar e acolher os jovens profissionais. Como gestor, você pode facilitar essa transformação implementando mudanças simples. Tendo a abordagem certa, você pode se surpreender com o aprendizado que as novas gerações podem trazer para o seu negócio.

Esse artigo foi originalmente publicado no blog work life Australia. Leia aqui o texto original.

Compartilhar essa página