Você se sente preso na sua carreira? Veja como sair dessa

By Robert Half 24 de Janeiro 2018

Por Adriana Fonseca

Você se sente preso ao trabalho atual e está infeliz com a situação? Que tal aproveitar o começo do ano para encontrar o emprego dos sonhos? Monte um plano de ação e, para executá-lo, reserve tempo na sua agenda. Sim! Encare como mais uma tarefa da sua rotina.

PASSO 1

A primeira coisa a se fazer é identificar o problema. O que está por trás da sua insatisfação? Ok. Você não gosta do seu trabalho, mas por quê? O que exatamente o incomoda? Pode ser a cultura da empresa, as tarefas em si, a área onde você está, o tempo gasto no deslocamento ao escritório, a quantidade de horas que você dedica ao trabalho. É importante que você pense a respeito e seja o mais honesto possível. 

Uma forma de identificar o que incomoda você é, ao final de cada dia, escrever o que não foi prazeroso no seu atual trabalho e o que você gostou de fazer.

PASSO 2

Tendo em mente o que agrada e o que desagrada, é hora de pesquisar quais tipos de trabalho atendem as suas necessidades. Não tenha medo de pensar fora da caixa, pois esse é o momento de explorar as possibilidades.

PASSO 3

Agora que você já sabe em qual direção seguir, avalie se é necessário buscar formações complementares antes de se candidatar a uma vaga. Se for preciso, corra atrás disso. Depois é hora de atualizar o currículo para mostrar suas conquistas profissionais mais recentes. Em seguida, avise sua rede de contatos sobre o que você está buscando e marque um café com as pessoas que podem ajudá-lo a conquistar o emprego dos sonhos. Cheque as vagas abertas nas empresas nas quais você gostaria de trabalhar e comece a se candidatar. Frequente eventos de sua área de atuação (ou da área para a qual você quer migrar, caso sejam diferentes) semanalmente e faça novos contatos.

Boa sorte!       

* Adriana Fonseca é jornalista, tem 15 anos de experiência na cobertura de carreiras, empreendedorismo e startups. Já publicou nos jornais Valor Econômico e Folha de S.Paulo e na revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

 

Tags

More From the Blog...