Pedi demissão e me arrependi. Posso tentar voltar para minha antiga empresa?

Por Robert Half 28 de março de 2019

Ao tomar uma decisão de pedir demissão, o ideal é que você tenha em mente as razões que te fizeram sair da sua empresa atual. Mas, nem sempre o pedido de demissão é tomado após uma análise coerente e bem pensada.

Se você pediu demissão no calor do momento e, depois da sua decisão, se arrependeu e desejou voltar para seu antigo empregador, confira nossas dicas para lidar com essa situação.

ENVIE SEU CURRÍCULO

Como foi sua saída?

Tudo vai depender de como foi a sua saída. Você saiu de maneira amigável? Deixou as portas abertas? Dependendo das circunstâncias do seu desligamento, pode ser que o antigo empregador não te queira de volta.

Sua vaga já foi preenchida?

Você também precisa checar se a sua vaga já foi preenchida. Caso isso já tenha acontecido, pedir para voltar pode ser arriscado e você terá grandes chances de receber um "não". Nesse caso, é indicado que você procure por outras vagas de trabalho no seu setor. Porém, antes de tudo, sugiro uma reflexão.

Reflita!

Qual é o principal motivo desse arrependimento? Você realmente era feliz na antiga empresa ou deseja voltar porque ela te traz sensação de segurança? Arrependimentos acontecem, mas relembre as causas da sua saída para não tomar a decisão errada. Não corra o risco de se queimar.

[Leia também: Pediu demissão? Veja como ser bem visto pelo ex-gestor ao decidir mudar de emprego]

Assista à explicação

Thatyanne Carvalho, Consultora de Recrutamento da Robert Half, fala sobre o assunto:

 

Perguntas Frequentes

Respondemos às dúvidas mais frequentes dos nossos candidatos. Clique no botão abaixo para assistir todos os vídeos da série.

ASSISTIR AOS VÍDEOS

More From the Blog...